EuropaLa Liga

Barcelona enfrentará os “Homens de Ferro” no Camp Nou

Caso queira vencer o Barcelona no próximo domingo, o Rayo Vallecano já sabe que precisará de uma força sobre-humana. E um bom incentivo pode vir da própria camisa franjirroja. Em ação promocional em conjunto à Marvel Comics, o clube espanhol estampará a marca do filme “Homem de Ferro 3”. Sósias do super-herói também deverão aparecer no Camp Nou.

“Espero que façamos uma grande partida e não precisemos das armas do Homem de Ferro para ganhar”, brincou o presidente do clube, Raúl Martín. O Rayo ocupa a oitava colocação em La Liga, com 41 pontos, a apenas um de entrar na zona de classificação para a próxima Liga Europa e a três da Liga dos Campeões.

Na temporada passada, a Marvel já tinha se aproveitado do Rayo Vallecano para fazer propaganda de outro de seus filmes. Também contra o Barcelona, os madrilenhos estamparam “Vingadores 2” em suas camisas. A principal ação de marketing, no entanto, aconteceu na entrada em campo, com os mascotes fantasiados de Capitão América, Homem de Ferro, Hulk e Thor.

Já o Atlético de Madrid também se travestiu de super herói em 2004. Na época, os colchoneros eram patrocinados pela Columbia Pictures e vestiram uma camisa estilizada para promover o filme “Homem Aranha 2” – em outras partidas, também exibiram os logotipos de “As Branquelas”, “Hitch, conselheiro amoroso”, “Closer”, dentre outras películas.

atleti spider

O aracnídeo, aliás, já foi homenageado mais vezes nos campos de futebol. Famoso pela extravagância em seus uniformes, o goleiro Jérémie Janot, então no Saint-Étienne, vestiu a mascara do Homem Aranha antes de partida pela Ligue 1.

Outro goleiro a homenagear os heróis em suas camisas é o uruguaio Pablo Aurrecochea, que atualmente defende a meta do Guaraní, do Paraguai. O camisa 1 já se transformou em Homem-Aranha, Batman, Super-Homem, Hulk e He-Man, além de ter vestido estampas com outros personagens infantis, como Homer Simpson, Krusty, Bob Esponja e Taz. Nenhum capaz de representar melhor sua latinidade do que o Chapolin Colorado.

pablo_aurrecochea_09

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo