Europa

2014 é logo ali

No último 30 de julho, as atenções do mundo do futebol se voltaram ao Rio de Janeiro graças ao sorteio das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014. Sem dúvidas, o emparceiramento mais aguardado era o europeu, maior e mais equilibrado.

As equipes da Uefa foram divididas em seis grupos, de acordo com suas respectivas colocações no ranking da Fifa. Entre as seleções nórdicas, a Noruega foi incluída no pote dos cabeças de chave – juntamente com as gigantes Espanha, Alemanha, Itália e Inglaterra. Suécia e Dinamarca ficaram no pote seguinte, enquanto Finlândia e Ilhas Faroe foram para o quinto. Aos islandeses, restou o último pote, destinado aos times de pior colocação.

Ainda é muito cedo para fazer análises consistentes sobre as eliminatórias européias. O “ciclo da Copa” no futebol europeu só começará em 2012, após a Euro. Entretanto, já é possível esboçar alguns prognósticos.

As bolinhas colocaram os dinamarqueses no Grupo B, ao lado de Itália, República Tcheca, Bulgária, Armênia e Malta. Os italianos, claro, são os maiores candidatos ao primeiro lugar do grupo, que dá vaga direta ao Mundial do Brasil. A Dinamarca, entretanto, é ligeiramente favorita na briga com tchecos (e talvez búlgaros) pela segunda colocação, que classifica para os play-offs de repescagem.

Suécia e Ilhas Faroe estão no Grupo C, com Alemanha, Irlanda, Áustria e Cazaquistão. É inimaginável pensar que a seleção alemã, uma das melhores da atualidade e com margem para evoluir ainda mais (além do peso da camisa), não vença a chave. Aos suecos, é mais prudente planejar uma disputa pelo segundo lugar. E não será fácil, pois a seleção irlandesa apresenta resultados bem mais regulares. Para as Ilhas Faroe, terminar à frente do Cazaquistão e beliscar algum outro pontinho já será um feito notável.

O grupo E, capitaneado pela Noruega, é o mais imprevisível. Os noruegueses devem comemorar o fato de o sorteio não ter colocado no caminho da equipe as melhores seleções do pote 2, como França e Rússia. A Eslovênia será um rival equilibrado, praticamente do mesmo nível da seleção norueguesa. O favoritismo, contudo, deverá ser da Suiça, que esteve nas últimas duas Copas e acabou entrando apenas no terceiro pote do sorteio. A Noruega tem, de fato, possibilidades de ficar em primeiro lugar do grupo e voltar a um Mundial depois de 16 anos, mas uma previsão que classifique suíços e eslovenos não seria nenhum absurdo. Poderia ser pior: uma Romênia no lugar da Albânia (outra integrante do grupo), embolaria ainda mais a disputa. O restante da chave é completado por Chipre e Islândia. Os islandeses, aliás, podem até sonhar com uma honrosa quarta posição, à frente de cipriotas e albaneses.

Sobrou para os finlandeses o grupo I, na companhia de Espanha, França, Belarus e Geórgia. Na única chave com cinco equipes, dificilmente a Finlândia não será o lanterna. A seleção pode, porém, roubar pontos que podem fazer falta aos espanhóis ou franceses – principalmente jogando em Helsinque.

Champions League e Liga Europa

Começa no próximo dia 16 os play-offs que valerão vaga nas fases de grupo da Liga dos Campeões e também na Liga Europa. Oito confrontos envolvem clubes de Suécia, Noruega, Dinamarca e Finlândia. Apesar da histórica possibilidade de três times escandinavos na Champions, é pouco provável que o Odense supere o Villarreal. Veja os confrontos:

LIGA DOS CAMPEÕES

– Dinamo Zagreb (Croácia) x Malmö (Suécia)
Ida: Zagreb, Croácia – 17/08
Volta: Malmö, Suécia – 23/08
Favoritismo: 50% – 50%

Após passar pelo HB, das Ilhas Faroe, o Malmö protagonizou uma das grandes zebras das competições européias até agora, eliminando o Glasgow Rangers na terceira eliminatória da Liga dos Campeões – com direito a vitória na casa do adversário. Apesar da campanha mediana na Liga Sueca (é apenas o nono), a empolgação pelo ótimo desempenho continental coloca a equipe em igualdade de condições com o Dinamo Zagreb, da Croácia. A classificação para a fase de grupos da Champions seria um grande feito para os celestes, vice-campeões em 1979.

– Kobenhavn (Dinamarca) x Viktoria Plzen (Rep. Tcheca)
Ida: Copenhague, Dinamarca – 16/08
Volta: Plzen, República Tcheca – 24/08
Favoritismo: Kobenhavn

Na fase anterior, o FCK superou sem sustos os irlandeses do Shamrock Rovers. Agora, a parada é mais dura. O Viktoria Plzen foi campeão tcheco pela primeira vez na temporada passada e atropelou o Rosenborg na fase anterior, com duas vitórias. O Kobenhavn é favorito, mas é jogo para abrir o olho.

– Odense (Dinamarca) x Villarreal (Espanha)
Ida: Odense, Dinamarca – 17/08
Volta: Villarreal, Espanha – 23/08
Favoritismo: Villarreal

O Odense BK protagonizou uma, digamos, pequena zebra na eliminatória anterior, ao superar o Panathinaikos. Agora, contra o forte Villarreal, a classificação é bastante improvável. Chegar vivo na segunda partida é fundamental caso o OB pretenda repetir a surpresa.

LIGA EUROPA

Rosenborg (Noruega) x AEK Larnaca (Chipre)
Ida: Trondheim, Noruega – 18/08
Volta: Larnaca, Chipre – 25/08
Favoritismo: 50% – 50%

Em condições normais, o Rosenborg seria o favorito. Entretanto, a temporada do RBK é tão irregular que o confronto contra o AEK de Larnaca se transforma numa incógnita. Treinado por Jordi Cruyff e contando com jogadores que passaram pela seleção holandesa, os cipriotas pode trazer mais uma decepção ao maior clube da Noruega, num ano que já parece perdido.

Nordsjaelland (Dinamarca) x Sporting Lisboa (Portugal)
Ida: Farum, Dinamarca – 17/08
Volta: Lisboa, Portugal – 25/08
Favoritismo: Sporting

Campeão da Copa da Dinamarca na temporada passada, o FCN terá páreo duríssimo contra o Sporting. Embora a fase de um dos três gigantes de Portugal não seja das melhores, os Leões são favoritos absolutos. Um bom resultado no jogo de ida será fundamental para o clube dinamarquês.

Aalesund (Noruega) x AZ (Holanda)
Ida: Alesund, Noruega – 18/08
Volta: Alkmaar, Holanda – 25/08
Favoritismo: AZ

Na Liga Europa desde a primeira fase qualificatória, o Aalesund já passou por Neath, Ferencváros e Elfsborg. O bom trabalho do treinador Kjetil Rekdal, ex-capitão da seleção norueguesa, poderá ser coroado com a classificação para a fase de grupos da Liga Europa. Embora pouco lembre o AZ de Louis Van Gaal, campeão da Eredivise recentemente, o favoritismo dos holandeses é grande.

HJK (Finlândia) x Schalke 04 (Alemanha)
Ida: Helsinque, Finlândia – 18/08
Volta: Gelsenkirchen, Alemanha – 25/08
Favoritismo: Schalke 04

Após ser destaque mundial ao aplicar um sonoro 10-0 no Bangor City, o sonho do HJK ir até a fase de grupos da Champions League parou no Dinamo Zagreb. “Rebaixado” à Liga Europa, o time da capital finlandesa também não se deu bem no sorteio, tendo de enfrentar o Schalke 04. Uma zebra é pouco provável e não levar uma goleada na segunda partida já estará de bom tamanho.

Standard Liège (Bélgica) x Helsinborgs (Suécia)
Ida: Liège, Bélgica – 18/08
Volta: Helsinborg, Suécia – 25/08
Favoritismo: 50% – 50%

O Helsinborgs faz um grande 2011, liderando com sobras o Campeonato Sueco. Já do lado belga, não é possível prever o ânimo da equipe após cair diante do Zurich, na Liga dos Campeões. De qualquer forma, a classificação dos suecos é um sonho possível.

[embedcode get="script" playlist_id="match"]
Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo