Estados UnidosMLS

Procurando o vigésimo

A Major League Soccer conta atualmente com 19 times, fazendo com que a liga tenha que adotar um formato com conferências com números desiguais de equipes e com um calendário não balanceado. Ou seja, nem todos os times jogam ida e volta contra todos os outros dezoito e o modo com que eles enfrentam uns aos outros também é diferenciado. Para resolver esses problemas e expandir o mercado, a MLS procura um local para instalar um 20º time e até mais que isso. E não faltam possibilidades.

Uma grande possibilidade e amada por várias pessoas, principalmente os saudosistas, é o ressurgimento do New York Cosmos, desta vez na MLS. O grupo interessado na entrada na liga comprou os direitos pelo nome e criou um grupo experiente dentro das quatro linhas para dirigir o time. Eric Cantona é o diretor de futebol e Cobi Jones também trabalha no clube.

A grande dificuldade para a volta do Cosmos é a negociação de um local para construção de um estádio. O clube procura algum lugar que não seja um dos subúrbios de Nova Iorque, diferentemente do New York Red Bulls, que se instalou em Harrison. Por fim, o Cosmos está entre quatro locais: dois no Queens, um no Brooklyn e outro em Manhattan.

Outra dificuldade fica no preço para entrada na liga. Quando o Montréal comprou sua vaga, em 2010, o preço era de US$ 40 milhões. No meio de 2011, o comissário Don Garber informou ao grupo detentor do Cosmos que o preço de entrada para um clube baseado em Nova Iorque seria de US$ 70 milhões. E deve ter aumentado desde lá.

Las Vegas é outra alternativa para expansão da liga, que até já procurou a cidade para perguntar se a Sin City não estaria interessada em uma franquia. Para ajudar a campanha de Las Vegas, já foram aprovados planos de um complexo esportivo, que abrangeria um ginásio poliesportivo (com foco em NBA) e um estádio com capacidade para 22 mil espectadores. As obras devem começar nos próximos meses.

Orlando é outra cidade que procura entrar na MLS em breve. Como benefício, a cidade já tem o Orlando City Soccer Club, que foi campeão da USL-Pro (espécie de 3ª divisão) no último ano e que dá trabalho aos times da MLS em amistosos pré-temporada. Os diretores da equipe já se reuniram com Don Garber várias vezes para tentar a 20ª vaga na liga.

Além disso, várias outras cidades e grupos já demonstraram interesse em uma possível entrada na liga. Baltimore, Detroit, Minneapolis e Cary (Carolina do Norte) são as cidades que têm pensamentos mais avançados além das já citadas acima.

Uma coisa é certa: A MLS deve ter uma 20ª franquia em breve, no máximo até 2014. Além de ajudar a melhorar o calendário da liga, também é importante para que o esporte cresça no país, já que ter uma equipe profissional de bom nível pode facilitar o surgimento de novos fãs nessas potenciais novas sedes.

Confira os resultados da 10ª semana da MLS:

New York Red Bulls 1×0 Houston Dynamo
NY: Kenny Cooper (7’)

Chicago Fire 0x0 Real Salt Lake

FC Dallas 0x2 Seattle Sounders
SEA: Fredy Montero (70’, 72’)

Houston Dynamo 1×0 D.C. United

HOU: Brad Davis (67’)

Montréal Impact 1×1 Los Angeles Galaxy
MON: Davy Arnaud (8’) / LA: David Beckham (62’)

Seattle Sounders 0x1 Real Salt Lake
RSL: Fabian Espíndola (51’)

New England Revolution 4×1 Vancouver Whitecaps
NE: Lee Nguyen (6’, 72’), Saer Sene (24’), Sharlie Joseph (33’) / VAN: Eric Hassli (5’)

Columbus Crew 2×1 FC Dallas
CLB: Justin Meram (67’), Sebastian Miranda (72’) / FCD: Fabian Castillo (22’)

Chicago Fire 2×1 Sporting Kansas City
CHI: Sebastian Grazzini (61’), Dominic Oduro (81’) / SKC: Bobby Convey (31’)

Philadelphia Union 2×3 New York Red Bulls
PHI: Lionard Pajoy (31’, 46’) / NY: Joel Lindpere (17’), Markus Holgersson (68’), Kenny Cooper (78’)

San Jose Earthquakes 1×1 Chivas USA
SJ: Alan Gordon (88’) / CHV: Jose Correa (4’)

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo