MLS

Aos 37 anos, Giorgio Chiellini assina pelo Los Angeles FC

Ex-capitão da Itália e da Juventus, Giorgio Chiellini assinou contrato de 18 meses com o Los Angeles FC na MLS

O zagueiro Giorgio Chiellini, de 37 anos, anunciou que fechou contrato com o Los Angeles FC. O contrato do jogador com a Juventus se encerra neste mês de junho e ele ficou livre no mercado e chegou a um acordo para defender o clube da MLS. Segundo The Athletic, Chiellini assinaria um contrato de 18 meses com o clube, ou seja, até o final de 2023.

Chiellini tem sido ligado a uma transferência à MLS desde o último verão, quando seu contrato com a Juventus acabaria. Depois de conquistar a Eurocopa com a Itália, Chiellini, teve o seu contrato renovado por uma temporada. A renovação foi ajudada pela chegada de Massimiliano Allegri, que retornou ao clube.

Os últimos anos da carreira de Chiellini foram de ótimo nível. Na última temporada, foram 26 jogos, sendo 18 deles como titular. O jogador teve alguns problemas com lesões que o tiraram de diversos jogos. Nesta temporada 2021/22, entre lesões e ter se contaminado com o coronavírus, ele ficou fora de 17 jogos na temporada.

A estratégia de transferências do Los Angeles FC nas suas primeiras quatro temporadas e meia foi investir em jogadores jovens da América do Sul com veteranos da MLS. A estratégia funcionou e o time foi competitivo desde os primeiros momentos na liga. Conquistou o Supporters’ Shield, dado ao melhor time da fase de classificação, chegou a uma final da Concachampions e esteve três vezes nos playoffs.

A contratação de Chiellini, portanto, foge um pouco do padrão. O diretor geral do clube, John Thorrington, justificou a escolha. “Nem precisei pensar”, afirmou ao LA Times. “A razão pela qual isso pode parecer não se encaixar no molde do LAFC é que não há o molde de Giorgio Chiellini. Ele é único em termos do que ele fez, como ele fez. Ele mostrou uma habilidade única nos últimos 15 anos de alguém que pode transmitir essa experiência, essa sabedoria para outras pessoas em sua equipe para melhorar isso”.

Chiellini foi contratado usando o chamado “targeted allocation money” (dinheiro de alocação direcionada), o que significa que o seu salário pode ser acima do teto da MLS, de US$ 612,500 mil/ano, mas abaixo de US$ 1.612.500/ano, que exigiria que ele fosse um jogador designado.

“Estou me imaginando como jogador da MLS e no meu vestiário entra Giorgio Chiellini. Seria incrível. Isso apenas lhe daria um impulso”, disse Thorrington. “E não apenas sua presença, mas o fato de que ele é um cara altamente inteligente. Ele tem uma perspicácia tática diferente de qualquer jogador que eu vi na história recente. E ele tem uma capacidade real de comunicar isso aos outros. Giorgio fará todo mundo melhor. A cada dia que Giorgio estiver neste prédio, ele agregará valor”.

Não será difícil se adaptar a Los Angeles para Chiellini. O jogador, que fará 38 anos em agosto, poderá visitar o restaurante italiano de um ex-companheiro de Juventus, Alessandro Del Piero, que se mudou para a Califórnia após a aposentadoria dos gramados e abriu o seu negócio.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo