Eliminatórias da CopaEstados UnidosMéxico

EUA e México tropeçam na abertura do hexagonal decisivo

As Eliminatórias da Copa de 2014 entraram em sua reta final na Concacaf. E as seleções de camisa mais pesada não tiveram muito a comemorar na primeira rodada do hexagonal decisivo. México e Estados Unidos tropeçaram em suas estreias e Honduras é a líder isolada da competição.

Os hondurenhos foram os únicos a assegurarem os três pontos neste início de competição. A equipe de Luis Fernando Suárez recebeu os Estados Unidos no Estádio Olímpico Metropolitano e fez o dever de casa, triunfando por 2 a 1. Os americanos até saíram em vantagem, com gol de Clint Dempsey, mas Juan Carlos García e Jerry Bengston buscaram a virada para os anfitriões.

Outro a decepcionar foi o México, que recebeu a Jamaica no Estádio Azteca e não foi além do empate por 0 a 0. El Tri até teve maior posse de bola, mas não conseguiu converter em chances de gol e ainda viram os caribenhos criarem os lances mais perigosos. A frustração foi tamanha que os jamaicanos ouviram gritos de “olé” durante seus passes ao fim do jogo.

Por fim, Panamá e Costa Rica se enfrentaram no Estádio Rommel Fernández Gutiérrez e também ficaram na igualdade, 2 a 2. Luis Henríquez e Roman Torres abriram dois gols de vantagem para os panamenhos em 25 minutos. Contudo, Alvaro Saborío e Bryan Ruiz arrancaram o empate para os visitantes.

Somente os três primeiros colocados do hexagonal têm vaga direta na Copa do Mundo de 2014. O quarto colocado disputa repescagem contra o melhor time da Oceania. A próxima rodada da competição está marcada para o dia 22 de março.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo