Estados UnidosMLS

De Jong, aquele, vai ser companheiro de Gerrard no Los Angeles Galaxy

Ele ficou mundialmente famoso pela entrada violenta que deu no volante Xabi Alonso na final da Copa do Mundo de 2010. Sempre foi falado sobre o seu estilo, digamos, pouco sutil de tentar recuperar a bola. Nigel De Jong, 31 anos, jogador da seleção da Holanda, já estava sem espaço no Milan e acertou a transferência para o Los Angeles Galaxy, da MLS, e fará companhia a Steven Gerrard no clube da Califórnia.

LEIA TAMBÉM: [Vídeo] Quem ganha? TV inglesa chamou Pirlo, Gerrard e Lampard a desafio de habilidade

Segundo o Los Angeles Times, a quantia paga pelo Galaxy foi de cerca de US$ 1milhão. Uma quantia baixa para o jogador que é De Jong. Porque apesar da fama de ser violento, de entrar muito duro, ele também é um ótimo jogador. Assim como Felipe Melo, ficou mais famoso pelas confusões que arranjou do que pelo futebol que joga, que não é pouco. Tanto que foi titular da seleção holandesa de Louis van Gaal na Copa de 2014, aqui no Brasil.

Além de De Jong, quem também chega ao Galaxy é o lateral esquerdo inglês Ashley Cole, que estava na Roma. Outro que chega ao Galaxy é Jelle van Damme, defensor belga, que estava no Standard Liège. O jogador, de 32 anos, chega para tornar o time ainda mais forte.

O holandês chega em um time que é bastante estrelado para o padrão MLS, fazendo jus ao seu nome. Além de Gerrard e dos contratados citados acima, estão no elenco os atacantes Robbie Keane, irlandês, e Giovani dos Santos, mexicano. O Galaxy venceu a MLS pela última vez em 2014 e é o maior vencedor da liga, com cinco taças. Tentará repetir o feito com um limpa-trilhos de nível internacional. Lembrando que o time tem um teto salarial que precisa cumprir, com três jogadores que podem ficar acima do limite, resta saber como o time irá administrar esses jogadores.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo