Estados UnidosMLS

Atacar!

Após a 19ª semana da MLS, o San Jose Earthquakes ainda se encontra no topo da Conferência Oeste e da liga. Antes do início da temporada, os Quakes não estavam nem perto dos favoritos para o título de conferência, mas a equipe tem surpreendido a todos e deve continuar entre os melhores da MLS até os playoffs.

Para tal campanha, os Quakes se beneficiam do melhor ataque da liga. São 41 gols marcados em 20 jogos, sete a mais que D.C. United e New York Red Bulls, as equipes empatadas em segundo lugar na estatística. Mas cada parte do tal ataque dos Quakes merece detalhação.

Chris Wondolowski é o atacante mais regular da liga nos últimos anos e continua sua ótima fase. Em 18 partidas, Wondo marcou 17 gols e 4 assistências. Se a média do americano continuar em 0,94 gol por jogo, Wondo quebrará o recorde de gols em uma única temporada da MLS, que pertence a Roy Lassiter, com 27 gols em 1996.

Wondo foi o melhor jogador da primeira metade desta temporada da MLS e tem feito gols sempre que os Quakes precisam, tanto para garantir vitórias quanto para conseguir empates. É uma fase tão incrível que o atacante volta a ser considerado para a posição de titular da seleção americana, mesmo com Jozy Altidore voltando a jogar bem depois que foi para a Holanda. 

O companheiro de Wondo é o cabeludo e polêmico Steven Lenhart. O ex-atacante do Columbus chegou aos Quakes em 2011 e não teve um ano tão bom, mas melhorou bastante em 2012 e tem aproveitado que Wondo é mais marcado e tem sobrado mais espaço para ele. São seis gols e uma assistência na temporada.

E como se não bastasse a boa produção da dupla titular, os Quakes ainda têm o talismã Alan Gordon saindo do banco. Assim como Wondo, Gordon tem aparecido em momentos cruciais para a equipe de San Jose. Em duas partidas, o atacante saiu do banco para marcar gols para empatar o jogo. Além disso, Gordon participou de gols da virada ou da vitória em duas oportunidades.

Três jogadores são responsáveis por 15 assistências dos 41 gols dos Quakes na temporada. O meia Marvin Chávez é o cobrador oficial de escanteios da equipe e tem aproveitado tal cargo para ajudar o ataque. O veterano Ramiro Corrales, escolhido para o All-Star Game, foi deslocado para a esquerda e também tem desempenhado bom papel na produção ofensiva. Para fechar o grupo aparece o lateral direito Steven Beitashour, que aparece muito bem apoiando.

Como a defesa ainda é um problema e cede mais que um gol por jogo, o ataque dos Quakes tem que continuar funcionando para que a equipe continue no topo da liga até os playoffs e assegure a vantagem do mando de campo, já que o time de Califórnia tem 6 vitórias e 2 empates nas partidas realizadas no Buck Shaw Stadium, que virou uma fortaleza para os Quakes.

Curtas
–          A data e o horário da final da U.S. Open Cup já estão definidos. A partida entre Sporting Kansas City e Seattle Sounders será realizada no dia 8 de agosto, às 21h (horário de Brasília).

–          O New York Red Bulls adquiriu Sebastien Le Toux junto ao Vancouver Whitecaps na última sexta. O atacante foi fundamental nos dois primeiros anos do Union na liga.

–          Geoff Cameron, zagueiro do Houston Dynamo e da seleção americano, está negociando com o Stoke City.

–          Danny Koevermans, atacante do Toronto FC, rompeu um ligamento do joelho e está fora do restante da temporada.

–          Roger Levesque fará seu último jogo pelo Seattle Sounders na noite desta quarta, quando a equipe enfrenta o Chelsea em um amistoso.

Confira os resultados da última semana da MLS:

Toronto FC 3×2 Vancouver Whitecaps
TFC: Luis Silva (68’), Torsten Frings (72’), Terry Dunfield (95’) / VAN: Darren Mattocks (50’, 91’)

Philadelphia Union 2×1 Montréal Impact
PHI: Lionard Pajoy (82’), Carlos Valdés (91’) / MON: Keon Daniel (contra, 89’)

Colorado Rapids 1×2 FC Dallas
COL: Omar Cummings (50’) / DAL: Carlos Rodriguez (60’), Fabian Castillo (81’)

New England Revolution 0x1 Toronto FC
TFC: Luis Silva (8’)

Columbus Crew 0x2 Sporting Kansas City
SKC: Jacob Peterson (6’), Teal Bunbury (82’)

Chicago Fire 1×0 Vancouver Whitecaps
CHI: Pavel Pardo (10’)

San Jose Earthquakes 5×0 Real Salt Lake
SJ: Chris Wondolowski (18’, 72’, 80’), Alan Gordon (63’), Simon Dawkins (79’)

Portland Timbers 3×5 Los Angeles Galaxy
POR: Kris Boyd (3’, 70’), Kosuke Kimura (34’) / LA: David Beckham (19’, 24’), Landon Donovan (27’), Robbie Keane (28’, 64’)

New York Red Bulls 2×2 Seattle Sounders
NY: Sebastien Le Toux (24’), Joel Lindpere (61’) / SEA: Alvaro Fernandez (16’), Fredy Montero (67’)

Houston Dynamo 4×0 D.C. United
HOU: Brad Davis (19’), Will Bruin (37’), Oscar Garcia (62’), Brian Ching (89’)

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo