Estados UnidosMLS

Andrew Wenger é a 1ª escolha no draft da MLS e vai para o Montreal

O defensor Andrew Wenger, 21 anos, da Universidade de Duke, foi o primeiro escolhido no Draft da MLS, nesta quinta-feira. O jogador, que foi eleito o melhor da liga universitária de futebol, é considerado versátil por jogar nos três setores do campo, ataque, meio-campo e defesa.

Na sua carreira universitária, o jogador conseguiu ser eleito o defensor e o atacante do ano, algo que poucos jogadores da NCAA conseguiram fazer na história. Em 2010, foi eleito o melhor defensor da liga, só que em 2011 ele foi eleito o melhor atacante, graças aos 17 gols e oito assistências que o jogador fez em 22 partidas.

“Eu gosto de estar perto da bola”, disse Wenger. “O que me deixar perto da bola, deve funcionar. Estou jogando como zagueiro na seleção agora e estou tentando me acostumar a jogar a jogar na defesa depois de atuar no ataque a temporada toda. É uma pequena curva de aprendizado no momento”, afirmou o jogador, cotado para defender os Estados Unidos na Olimpíada.

Confira o vídeo com lances do jogador com a camisa da Universidade de Duke, onde foi capitão e destaque:

A segunda escolha foi do Vancouver Whitecaps, que escolhou outra grande destaque da liga universitária, Darren Mattocks, o último de uma longa fila de talentos formados pela universidade de Akron nos últimos anos e considerado a melhor opção ofensiva do Draft.

Pelo segundo ano consecutivo, Akron teve a segunda escolha no Draft da MLS.  Em 2011, Darlington Nagbe foi para o Portland Timbers. Mattocks, que tem 21 anos, é considerado o melhor jogador de ataque que Akron já produziu depois de marcar 39 gols em 47 jogos pelos Zips.

“Eu sabia sobre ficaria entre eu e Wenger”, disse Mattocks. “Eles escolheram Wenger. Está OK. Não importa para onde eu vá. Estou preocupado em poder jogar e marcar muitos gols. É para isso que eu estou aqui”, disse ainda o meia.

O New England Revolution teve a terceira escolha e ficou com o meia ofensivo Kelyn Rowe, da UCLA e seleção sub-23 dos Estados Unidos, o que irá ajudar a melhorar o meio-campo da equipe. O Toronto, que tinha a quarta escolha, ficou com o meio-campista Luis Silva [que apesar do nome, é norte-americano], da UC Santa Barbara.

Uma das surpresas do Draft ficou pela escolha de Chandler Hoffman, da UCLA. Cotado para ser uma das três primeiras escolhas, o jogador foi apenas o 13º escolhido, quando o Philadelphia Union.  Com 18 gols e seis assistências na liga universitária, o jogador liderou o time ao College Cup, além de ser semifinalista do Troféu Hermann.

Se em 2011 Akron dominou o Draft com sete jogadores escolhidos, desta vez nenhuma universidade conseguiu um número tão alto. A que mais teve jogadores escolhidos foi Creighton e Louisville, com quatro jogadores de cada.

 

Primeira rodada

1. Montreal Impact: Andrew Wenger, Duke
2. Vancouver Whitecaps: Darren Mattocks, Akron
3. New England Revolution: Kelyn Rowe, UCLA
4. Toronto FC: Luis Silva, UC Santa Barbara
5. Chivas USA: Casey Townsend, Maryland
6. San Jose Earthquakes: Sam Garza, UC Santa Barbara
7. D.C. United: Nick DeLeon, Louisville
8. Portland Timbers: Andrew Jean-Baptiste, Connecticut
9. Chicago Fire: Austin Berry, Louisville
10. Columbus Crew: Ethan Finlay, Creighton
11. FC Dallas: Matt Hedges, UNC
12. Toronto FC: Aaron Maund, Notre Dame
13. Philadelphia Union: Chandler Hoffman, UCLA
14. Colorado Rapids: Tony Cascio, Connecticut
15. Seattle Sounders: Andrew Duran, Creighton
16. Sporting Kansas City: Dom Dwyer, UCF
17. Real Salt Lake: Enzo Martinez, UNC
18. Houston Dynamo: Colin Rolfe, Louisville
19. Los Angeles Galaxy: Tommy Meyer, Indiana

Segunda rodada

20. Montreal Impact: Calum Mallace, Marquette
21. Vancouver Whitecaps: Chris Estridge, Indiana
22. New England Revolution: Tyler Polak, Creighton
23. Chicago Fire: Luckymore Mkosana, Dartmouth
24. Real Salt Lake: Diogo de Almeida, SMU
25. San Jose Earthquakes: Jacob Hustedt, Washington
26. Columbus Crew: Aubrey Perry, South Florida
27. Portland Timbers: Brendan King, Notre Dame
28: Chicago Fire: Hunter Jumper, Virginia
29: Columbus Crew: Kevan George, Central Florida
30: Sporting Kansas City: Cyprian Hedrik, Coastal Carolina

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo