Espanha

Presidente do Getafe revela sondagens de gigante europeu por Mason Greenwood

Presidente do Getafe revelou que presidente do Barcelona e Deco perguntaram a ele sobre Greenwood, emprestado pelo Manchester United

Após ficar um ano e meio afastado do futebol, Mason Greenwood vem recuperando sua forma no Getafe. Emprestado pelo Manchester United, o jogador vem sendo um dos destaques do time espanhol na temporada, e possui chances de permanecer na La Liga em 2024/2025. Isso é o que aponta o presidente do atual time do meia inglês.

Em entrevista para a Rádio Marca, no Programa de Ortega, Ángel Torres afirmou que dirigentes do Barcelona já o procuraram, mostrando interesse em Greenwood, que tem contrato com o Getafe até o fim desta temporada.

– O Atlético [de Madrid] não me perguntou, o único que realmente me perguntou foi o Joan Laporta [presidente do Barcelona] quando esteve aqui. Falei com ele e com o Deco, e me perguntaram porque eles gostam do jogador.

Fair play financeiro pode ser empecilho

Mesmo assim, Torres adiantou que será difícil de contratar o jogador. De forma velada, o mandatário criticou o fair play financeiro da La Liga, que dificultará a vida dos clubes que desejam contratar atletas, mas tentando manter as finanças em dias.

— Para contratar ele em definitivo, todos os clubes, não só o Barcelona, mas também o Getafe, o Atlético precisam primeiro vender para depois comprar. Por isso vai ser um longo verão. A situação do futebol espanhol é que primeiro necessita vender. É um problema que 80% dos clubes têm atualmente.

Destino do atleta será longe de Manchester

Sobre vontades, aparentemente todos os caminhos apontam ao menos para o não retorno de Greenwood ao clube que o revelou. Na entrevista, Torres revelou que o Manchester United não tem interesse de reintegrar o jogador de 22 anos ao seu plantel, e que o Getafe tem esperanças de mantê-lo, ao menos por um novo empréstimo junto aos Red Devils.

— Se depender do jogador, dos pais dele e do clube, acredito que ele vai continuar por mais um ano. No Manchester United, o diretor de futebol disse que se houver uma boa oferta, eles vão vender, porque lá não o querem mais. Vamos ter de esperar um mês e meio ou dois. Mas penso que ele vai ficar.

Recuperando a melhor forma

Greenwood vem sendo um dos principais nomes do Getafe nesta temporada. Depois de chegar ao time espanhol já no fim da janela de transferências, ele rapidamente se tornou titular, e vem sendo importante para o time. Ao todo, ele já fez 10 gols na temporada, e deu assistências para seus companheiros, o que faz com que o presidente do clube queira tanto mantê-lo.

Mas caso mesmo volte ao United ou vá para um clube maior como o Barcelona, pode haver repercussão negativa. Greenwood ficou 1 ano e meio sem jogar, e chegou a ser preso, acusado de violência doméstica contra sua ex-namorada. Mesmo com o posterior arquivamento do caso, os Red Devils optaram por liberá-lo, por pressão da torcida e dos críticos.

A ideia do Manchester United é receber aproximadamente 50 milhões de euros pelo meia de 22 anos. A pedida pode ser diminuída pelo interesse que o próprio clube inglês possui de fazer caixa para contratar novos atletas. Contudo, a carreira do atleta seguirá com essa mancha difícil de se apagar.

Foto de Vanderson Pimentel

Vanderson Pimentel

Jornalista formado em 2013, e apaixonado por futebol desde a infância. Em redações, também passou por Estadão e UOL.
Botão Voltar ao topo