Espanha

Real joga mal, mas bate Gimnàstic

Depois de uma grande partida contra o Barcelona, o Real Madrid voltou a decepcionar. Comum futebol apático, teve muitas dificuldades diante do Gimnàstic, penúltimo colocado na competição, no estádio Santiago Bernabéu. Ainda assim, conseguiram uma apertada vitória por 2 a 0.

No primeiro tempo, o roteiro para um desastre madridista foi cumprido. Apagado e sem imaginação, o Real Madrid não conseguia passar pela bem montada defesa tarragonesa. Isso porque o Nàstic ficou com um jogador a menos desde o sexto minuto de jogo, quando César Navas recebeu cartão vermelho por falta violenta e Van Nistelrooy.

No segundo tempo, com a entrada de Robinho, o ataque merengue passou a se movimentar mais e os espaços começaram a aparecer na defesa catalã. Aos 10 minutos, o brasileiro abriu o marcador aproveitando a sobra de um chute torto de Van Nistelrooy.

Robinho se transformou na principal figura do Real, pois conseguia se aproximar do atacante holandês e da dupla de armadores Higuaín e Raúl. Em jogada individual, o brasileiro acertou a trave de Bizzarri.

Depois da saída do argentino para a entrada de Marcelo, Robinho foi deslocado pela direita, de onde criou o segundo gol aos 35 minutos. O ex-santista lançou Míchel Salgado, que cruzou no meio da área. O zagueiro David García tentou salvar, mas acabou cabeceando dentro do próprio gol.

Com essa vitória, o Real Madrid foi a 48 pontos e recuperou a terceira posição do Valencia. Os líderes são Barcelona, com 53 pontos, e Sevilla, com 50 e um jogo a menos. O Gimnàstic é penúltimo colocado, com 20 pontos.

Mostrar mais

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo