BrasilEspanha

Olha isso, Mou! Kaká faz três e comanda 8 a 0 do Real Madrid

Kaká não entrava em campo pelo Real Madrid desde a pré-temporada. Nesta quarta-feira, porém, o brasileiro ganhou uma chance e deu uma resposta contundente à opção de José Mourinho. A partida contra o Millonarios não era oficial, válida pelo Troféu Santiago Bernabéu, mas já serviu para o meia mostrar que está pronto para desafios maiores. Com três gols e uma assistência, Kaká foi o nome da goleada por 8 a 0 dos merengues, eleito o melhor em campo após o jogo.

Mourinho escalou um time misto para a enfrentar os líderes do Campeonato Colombiano, mas ainda assim foi possível ver outras estrelas merengues em campo. Gonzalo Higuaín, Mesut Özil e Sami Khedira também estiveram no 11 inicial, ao lado de garotos como Álvaro Morata e Raphael Varane.

Assim que a bola começou a rolar, Kaká deu mostras de sua gana. O brasileiro teve duas boas chances nos primeiros cinco minutos, parado pelo goleiro Delgado na primeira, pouco antes de chutar para fora. Já aos 13 minutos, o brasileiro balançou as redes pela primeira vez, aproveitando boa jogada de Higuaín para bater de primeira.

O domínio do Real Madrid seguiu rendendo gols na sequência do primeiro tempo. José Callejón ampliou e Morata fez o terceiro. Kaká voltaria a participar no quarto gol blanco, partindo em velocidade e deixando Morata em boas condições de marcar. E o quinto veio mais uma vez com o brasileiro, em bola levantada que o camisa 8 desviou com as costas.

Na volta do intervalo, Mourinho fez diversas mudanças no Real, botando em campo Fabinho, Ricardo Carvalho, Luka Modric e Karim Benzema. Com a saída de Higuaín, foi Kaká quem assumiu a braçadeira de capitão. O meia completou seu hat-trick aos 15 minutos, convertendo pênalti, pouco antes de sair. No fim, ainda deu tempo para Callejón e Benzema fecharem o massacre.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo