EspanhaLa Liga

O impossível é detalhe: Messi faz 4 gols e quebra recordes

A cada partida, Lionel Messi deixa a dúvida: quando se encerrará sua fome de gols? Quando parará de quebrar recordes? O camisa 10 teve mais uma noite de gala no Camp Nou neste domingo, derrubando números históricos. Foram quatro tentos na goleada por 5 a 1 sobre o Osasuna, que isolou ainda mais o Barcelona na liderança do Campeonato Espanhol, chegando aos 58 pontos.

Artilheiro de La Liga com 33 tentos, o argentino marcou nas últimas 11 rodadas da competição, novo recorde. Além disso, Messi balançou as redes em suas últimas dez aparições pelo Barcelona, igualando as marcas de Mariano Martín e Ronaldo, as melhores do clube – somente como titular, são 16 partidas consecutivas anotando ao menos um tento. E, de quebra, o atacante ainda passou dos 200 gols no Campeonato Espanhol – são 202, 49 a menos que o recordista, Telmo Zarra.

O Barcelona veio com algumas novidades em seu time titular, com Thiago Alcântara e David Villa recompensados pelas boas aparições na Copa do Rei. E as mudanças não atrapalharam a equipe, que precisou de 11 minutos para começar a presenciar o show de Messi. Em bola mal afastada, Xavi deu ótimo passe para o camisa 10, que deixou o goleiro no chão antes de balançar as redes.

Pressionando a saída de bola, o Osasuna tentava dificultar a vida do Barça e até chegou a ameaçar a vitória blaugranas, empatando aos 24 minutos. Em jogada originada em cobrança de lateral, Loe apareceu para fuzilar de canhota e vencer Victor Valdés.

Contudo, a goleada começaria a se encaminhar quatro minutos depois, quando Arribas tocou a bola com a mão na área e ainda foi expulso com o segundo cartão amarelo. Na cobrança do pênalti, Messi deslocou o goleiro e retomou a vantagem. O camisa 10 voltaria a incomodar pouco depois, cabeceando bola na trave. Porém, o terceiro saiu dos pés de Pedro, escorando passe de Daniel Alves – que estava em posição irregular.

Com o Osasuna entregue, o atropelo no segundo tempo parecia questão de tempo. Depois de algumas chances desperdiçadas, Messi reapareceu aos 11 minutos, completando seu hat-trick. O artilheiro tabelou com Villa e driblou o goleiro antes de finalizar. Já no minuto seguinte, em outra jogada puxada por Villa na esquerda, Adriano ajeitou para o camisa 10 arrematar e fechar a conta.

O restante da partida foi dos coadjuvantes blaugranas tentando deixar seus gols, sem sucesso. David Villa e Alexis Sánchez foram os que mais chamaram a responsabilidade, mas não foram felizes em suas tentativas. A noite era mesmo de Lionel Messi, de seus quatro tentos e de seus recordes.

Confira os resultados da 21ª rodada do Campeonato Espanhol

Sábado, 26/jan

Celta de Vigo 1×1 Real Sociedad
Levante 2×1 Valladolid
Zaragoza 0×0 Espanyol
Deportivo La Coruña 2×3 Valencia

Domingo, 27/jan

Real Madrid 4×0 Getafe
Rayo Vallecano 3×0 Bétis
Barcelona 5×1 Osasuna
Mallorca x Málaga
Athletic Bilbao x Atlético de Madrid

Segunda-feira,28/jan

Sevilla x Granada

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo