Espanha

Verratti pode ter última chance em um gigante europeu

Estafe de Verratti ofereceu jogador ao Barcelona, que se mostra relutante em ter o volante por duas razões

Depois de 11 anos atuando com a camisa do Paris Saint-Germain e sendo uma das principais referências do meio de campo da equipe francesa, Marco Verratti deixou a Europa rumo ao Oriente Médio. Mas, após menos de uma temporada completa no Al-Arabi, do Catar, o italiano está disposto a voltar para o Velho Continente.

Segundo o jornal catalão Mundo Deportivo, o jogador italiano foi oferecido ao Barcelona como possível reforço para o início de 2024/2025. O que antes pareceria uma opção sem grandes chances de ir para frente, de fato pode se consumar, dependendo de como for feita a negociação.

Um problema que o Barcelona terá para a próxima janela será o fair play financeiro de La Liga. O clube precisa se enquadrar em todas as regras, e seus gastos com novas contratações estarão diretamente ligadas ao quanto de dinheiro e quais atletas a equipe conseguirá também negociar.

Sonho antigo

No passado, Verratti já foi alvo do Barcelona. Em 2017, o clube catalão chegou a negociar com o Paris Saint-Germain a possibilidade de comprá-lo, mas o próprio italiano declinou da oferta, preferindo ficar em Paris, ao lado dos então novos reforços Neymar e Kylian Mbappé.

Mas a situação é um pouco diferente agora. Com 31 anos, parecia que o jogador tinha desistido de jogar em alto nível por clubes e também pela Seleção Italiana, já que rumou ao Catar.

Porém, após quase um ano no Oriente Médio, o volante parece disposto a voltar, e seu estafe vê o Barcelona como uma boa opção, tanto para ele voltar a jogar em alto nível, quanto para o clube, que busca um primeiro volante para a próxima temporada.

Barcelona se mostra relutante

Mas seu nome ainda não é o consenso no Barcelona por dois motivos. O primeiro tem a ver com o nível técnico do jogador. Atuando em uma liga de menor qualidade técnica, o nível de competitividade de Verratti, que atualmente tem 31 anos, é cercado de dúvidas pela direção do time espanhol.

O outro motivo é financeiro. Verratti já tinha um dos maiores salários do PSG e rumou para o Catar para ganhar ainda mais. O jogador teria de renunciar a uma razoável quantia de salário para entrar no que o Barcelona busca pagar. Em 2017, a questão salarial inclusive foi um dos entraves que fez com que ele optasse por ficar no PSG.

Desde que deixou o PSG, no fim da última temporada, Verratti atuou em 18 jogos pelo Al-Arabi, e apesar de não ter feito nenhum gol, já deu 7 assistências para seus companheiros. O italiano tem contrato até 2025 com a equipe, que atualmente ocupa a quinta posição da Liga do Catar.

Após deixar a Seleção Italiana, tendo disputado apenas uma Copa do Mundo, há 10 anos, Verratti pode ter uma nova e última chance de jogar no mais alto nível do futebol mundial. Resta saber as condições físicas do atleta, e também se ele está disposto a renunciar a uma bolada de salário. Em forma, com certeza ele brigaria por vaga no time titular comandado por Xavi Hernández.

Foto de Vanderson Pimentel

Vanderson Pimentel

Jornalista formado em 2013, e apaixonado por futebol desde a infância. Em redações, também passou por Estadão e UOL.
Botão Voltar ao topo