Espanha

Hazard passará por cirurgia e será baixa no Real Madrid por cerca de um mês

Mais uma lombada na desastrosa passagem do belga pelo Santiago Bernabéu

É discutível se um jogador que mal está sendo utilizado pode ser um desfalque, mas Eden Hazard ficará fora de ação por entre quatro e cinco semanas porque será submetido a uma cirurgia para retirar um placa da perna direita, uma antiga lesão que – entre outras coisas – vem atrapalhando sua passagem pelo Real Madrid.

A lesão antiga de Hazard foi agravada em 2019, em um jogo contra o Borussia Dortmund. Passou três meses afastado e retornou longe do seu melhor. Segundo o Marca, o belga vinha deliberando sobre a cirurgia e havia decidido fazê-la ano passado, mas o Real Madrid não permitiu. Houve pontuações, de acordo com o jornal, que ele queria sacrificar o fim da temporada com o clube para estar em forma para a Eurocopa com a seleção belga.

Isso não é mais um problema porque ele simplesmente não está sendo utilizado por Carlo Ancelotti. Não jogou as últimas quatro rodadas de La Liga e fez apenas oito minutos na partida de ida contra o PSG. No total, soma 877 minutos em campo, o que não dá dez jogos inteiros. A imprensa espanhola especula que o Real Madrid gostaria de negociá-lo no próximo mercado. Adaptado a Madri, ele gostaria de cumprir os últimos dois anos do seu contrato.

Hazard, contratação de € 100 milhões que fez seis gols em 65 jogos ao longo de três temporadas, fará a cirurgia também de olho na Copa do Mundo do Catar, talvez a última chance da geração dourada da Bélgica de chegar pelo menos à decisão. O torneio será realizado em novembro.

“Nosso jogador Eden Hazard será operado nos próximos dias para retirar a placa de osteossíntese da fíbula direita”, afirmou o Real Madrid, em um comunicado.

Provavelmente fora de todo o mês de abril, Hazard perderá as duas quartas de final contra o Chelsea, o confronto direto pela ponta da tabela do Campeonato Espanhol com o Sevilla e também jogos contra Celta de Vigo, Getafe e Osasuna.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo