EspanhaLa Liga

Golaço de escanteio curto? O Atlético de Madrid do jogo aéreo mostrou que é possível

O Atlético de Madrid construiu o seu sucesso com um estilo de jogo muito bem definido. A equipe de Diego Simeone atua de maneira direta e costuma ser mortal nas bolas aéreas. E, com as mudanças sofridas pelo elenco, os colchoneros iniciaram a temporada extremamente dependentes das bolas paradas. Não à toa, 19 dos 27 gols do time em La Liga nasceram assim. Com um pouco mais de treinos, o Atleti vai conseguindo ir além dessa limitação. Uma boa mostra veio neste sábado, no gol que abriu a vitória por 2 a 0 sobre o Elche.

Para um clube que aposta tanto no jogo aéreo, o escanteio curto até parece uma heresia. Entretanto, foi em jogada assim que nasceu ótima trama dos albirrojos pelo lado direito do ataque. A troca de passes abriu espaço para Arda Turan rolar a José Maria Giménez, que cortou o marcador e fuzilou como se fosse um atacante. Golaço, em placar complementado por Mario Mandzukic no segundo tempo. Com o resultado, o Atlético assumiu provisoriamente a vice-liderança do Espanhol, indicando que, com um pouco mais de recursos, é possível sonhar com o bicampeonato.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo