EspanhaLa Liga

Falcao: “Os jogadores de futebol vivem em uma bolha”

Além da grande capacidade para marcar gols, Radamel Falcao García demonstrou que também é capaz de compreender as dificuldades financeiras vividas pela população espanhola. O artilheiro do Atlético de Madrid comentou a situação econômica do país, admitindo a proteção desfrutada pelos jogadores de futebol.

“Claramente a situação econômica no país não é fácil. Os jogadores de futebol sempre vivem em uma bolha, porque esse tipo de problema não nos afeta. Entretanto, eu me mantenho informado sobre o que acontece, porque poderia não estar vivendo desta maneira. Tenho o privilégio de ter um emprego e, atualmente, é algo que eu valorizo muito”, disse o atacante, em entrevista ao jornal El Mundo.

Falcao ainda comentou a transformação financeira vivida pelo futebol nos últimos anos: “Para muitos, o futebol se tornou um negócio. Para outros é uma posição radical para dividir a população. Isso excede o que o jogo costuma ser, muito mais fraternal”.

Segundo a imprensa espanhola, Falcao García teria salário aproximado de € 4,8 milhões anuais, podendo receber mais € 1 milhão em premiações. Artilheiro do Atlético na temporada, o colombiano anotou 19 gols em 21 partidas em La Liga, além de outros quatro entre Supercopa Europeia, Liga Europa e Copa do Rei.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo