Espanha

Acordo com jogadores encerra greve no Levante

Os jogadores do Levante decidiram encerrar a greve que haviam iniciado esta semana, depois de chegarem a um acordo com o clube sobre o pagamento de salários e prêmios atrasados. Os atletas ameaçavam não jogar contra o Recreativo Huelva neste domingo, pelo Campeonato Espanhol, se não fossem quitadas as dívidas, que totalizam cerca de € 18 milhões.

O clube atravessa uma grave crise financeira, provocada pelo crescimento nas despesas, receita abaixo das expectativas com direitos de televisão e o atraso nos planos de venda do estádio do clube, localizado no centro de Valência.

Os jogadores exigiam, para acabar com a greve, que a direção do Levante apresentasse garantias de pagamento. A prefeitura de Valência, a liga espanhola (LFP) e o sindicato dos jogadores (AFE) ajudaram o clube a obter parte do dinheiro imediatamente.

“A grave foi cancelada. Vamos para a vitória em Huelva”, disse o capitão da equipe, o defensor Luis Rubiales. “O dinheiro chegará aos jogadores através de uma linha de crédito de € 8 milhões. Temos uma cópia da garantia”.

Faltando cinco rodadas para o final, o Levante é o último colocado no campeonato, 12 pontos abaixo da zona de permanência na primeira divisão. Se perder para o Recreativo, o time pode ter seu rebaixamento confirmado com uma combinação de resultados na rodada.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo