Brasil

Vasco anuncia a contratação e, enfim, parece ter um reserva para Lucas Piton

Lateral-esquerdo ex-Palmeiras e que estava no Coritiba, Victor Luís chega ao Vasco para compor o elenco e, finalmente, resolver o problema do clube na posição

O Vasco, enfim, parece ter resolvido um problema que vem desde a última temporada. Nesta segunda-feira (5), o Cruz-Maltino anunciou a contratação do lateral-esquerdo Victor Luís, que estava no Coritiba. Aos 30 anos, ele chegou livre, após rescindir o seu contrato com o time paranaense, e assinou com o Vasco um acordo válido até o fim de 2024.

Agora, com a chegada de Victor Luís, o Vasco, enfim vai tentar resolver um velho problema do clube. Desde o começo de 2023, o Cruz-Maltino tem sofrido com a falta de reposição na lateral-esquerda. Lucas Piton, com razão e muitos méritos, é titular absoluto da posição desde a sua chegada ao clube. No entanto, o Vasco sempre sofreu quando precisava de um substituto para o jogador.

No começo de 2023, o Vasco tinha, além de Lucas Piton, apenas o lateral Paulo Victor à disposição para atuar. O jovem Riquelme, cria do clube, se recuperava de uma cirurgia feita no joelho esquerdo ainda em 2022. No meio do ano, no entanto, o contrato de Paulo Victor se encerrou e ele voltou ao Internacional, clube que detém os seus direito econômicos.

Neste período, o Vasco chegou a jogar com o zagueiro Léo improvisado na lateral-esquerda quando Lucas Piton não poderia atuar. Na janela de transferências do meio de 2023, com Riquelme fora dos planos de Ramón Diaz, o Cruz-Maltino contratou o lateral-esquerdo Jefferson, do Atlético-GO. No entanto, o jogador, que chegou com a aval do então diretor de futebol Paulo Bracks, nem chegou a atuar pelo clube. Ele foi relacionado para quatro partidas pelo técnico Ramón Diaz, mas não entrou em campo. No começo de 2024, ele se transferiu para o Juventude.

Recuperado de lesão, mas ainda fora dos planos de Ramón Diaz, Riquelme foi emprestado ao Sport neste começo de 2024. Assim, o Vasco ficou apenas com os jovens Julião, de 20 anos, e Leandrinho, de 18, como opções no elenco para o caso da ausência de Lucas Piton, que foi um dos jogadores que mais entrou em campo pelo clube em 2023. No Brasileiro, por exemplo, ele só ficou fora de uma partida, por suspensão.

Com a chegada de Victor Luís, Ramón Diaz ganha uma opção mais experiente para compor o elenco do Vasco e surprir alguma possível ausência de Lucas Piton no time do Vasco.

– Estou muito feliz e motivado de vestir a camisa do Vasco. Espero que seja um ano de muitas conquistas para todos nós – afirmou Victor Luís em vídeo publicado pelo Vasco.

Quem é Victor Luís, novo reforço do Vasco

Revelado pelo Palmeiras, Victor Luís chegou a ter uma rápida experiência no time B do Porto, em Portugal, mas logo voltou ao Verdão. Ele também passou, por empréstimo, duas vezes pelo Ceará e também teve duas passagens pelo Botafogo. Pelo Palmeiras, ele conquistou uma Copa do Brasil (2015), um Campeonato Brasileiro (2018), um Campeonato Paulista (2020) e uma Copa Libertadores (2021).

Livre no mercado depois do fim do seu contrato com o Palmeiras, Victor Luís se transferiu para o Coritiba no começo de 2023. No Coxa, ele disputou 41 partidas, marcando três gols e dando uma assistência.

Victor Luís é o quinto reforço do Vasco para 2024

Com Victor Luís, o Vasco chegou ao seu quinto reforço para a atual temporada. O clube ainda busca mais opções para o meio e para o ataque. O Cruz-Maltino está perto de anunciar o volante chileno Pablo Galdames, que já está no Rio de Janeiro e, inclusive, assistiu o empate com o Flamengo, no domingo, no Maracanã, e também tem negociações avançadas com o jovem volante argentino Juan Sforza, do Newell’s Old Boys.

Veja a lista dos reforços do Vasco

  • João Victor (zagueiro)
  • Robert Rojas (zagueiro/lateral-direito)
  • David (atacante)
  • Adson (atacante)
  • Victor Luís (lateral-esquerdo)

 

Foto de Gabriel Rodrigues

Gabriel Rodrigues

Jornalista formado pela UFF e com passagens, como repórter e editor, pelo LANCE!, Esporte News Mundo e Jogada10. Já trabalhou na cobertura de duas finais de Libertadores in loco. Na Trivela, é setorista do Vasco e do Botafogo.
Botão Voltar ao topo