Brasil

Talleres dobra valor da 1ª parcela de Rodrigo Garro, que vira desfalque do Corinthians para estreia no Paulistão

O Corinthians foi surpreendido pela postura do Talleres, que dificultou a regularização de Rodrigo Garro antes da estreia do Paulistão

O Corinthians abre a temporada 2024 neste domingo (21), às 18h (horário de Brasília), diante do Guarani, na Neo Química Arena, pela 1ª rodada do Campeonato Paulista. A Fiel Torcida está ansiosa para ver os reforços contratados nesta janela de transferências em campo pela primeira vez com o manto alvinegro. Contudo, nem todos estarão à disposição de Mano Menezes no Timão.

Isso porque o Talleres dobrou o valor acordado da primeira parcela de Rodrigo Garro, que deve virar desfalque do Corinthians para a estreia no Paulistão. Quem informou esse imbróglio foi o diretor financeiro do Timão, Rozallah Santoro, em entrevista ao canal Alambrado Alvinegro. O dirigente afirmou que os argentinos aguardam o pagamento de R$ 20 milhões para conceder a liberação do meia-atacante:

“Quem está em risco de não jogar domingo (21) é o Garro. Existiu uma primeira negociação que a gente tinha que depositar a primeira parcela do Garro na casa de US$ 2 milhões, e isso na hora de assinar o contrato mudou para US$ 4 milhões (cerca de R$ 20 milhões), colocaram as duas parcelas juntas. A gente está pagando uma conta, obviamente que o Corinthians é uma instituição e dono da conta, mas é algo que foi imposto para fechar o pagamento e não tinha esse dinheiro em caixa”.

O valor da transferência de Garro para o Corinthians não foi divulgado, porém, o negócio deve girar em torno de US$ 6 milhões (aproximadamente R$ 30 milhões). O Timão efetuará o pagamento em três parcelas, só que o Talleres exigiu as duas primeiras para liberar a documentação completa do meia-atacante, o que dificilmente acontecerá a tempo da inscrição para a partida contra o Bugre pelo Paulistão. A informação é do GE.

O impasse entre Corinthians e Talleres por Rodrigo Garro

Rodrigo Garro foi anunciado pelo Corinthians no dia 2 de janeiro e, seis dias depois, se apresentou com o restante do elenco para o início da pré-temporada no CT Joaquim Grava. De lá para cá, o meia-atacante tem treinado entre os titulares de Mano, mas aguardando a resolução do impasse entre Timão e Albiazul para ser regularizado no BID.

Ainda segundo o GE, o Talleres tem expectativa de receber a primeira parcela de Garro ainda nesta sexta-feira (19). É importante ressaltar que a diretoria argentina desenvolveu uma boa relação com a gestão de Augusto Melo, o que gerou confiança por parte do Albiazul em vender o jogador de 26 anos para o Corinthians. Aliás, o Timão tem uma garantia de poder realizar esse pagamento 10 dias depois da assinatura do contrato.

Vale lembrar que o Talleres se despediu de Rodrigo Garro na última terça-feira (16). Caso a ausência do meia-atacante para a estreia no Paulista se confirme, a tendência é que o técnico alvinegro escale Matías Rojas entre os titulares. O paraguaio vinha treinando com os reservas do Timão, mas foi elogiado inúmeras vezes pela mudança de comportamento nos bastidores.

Nos dois amistosos que o Corinthians fez até aqui, Rojas marcou dois gols. Sem Garro, Mano pode contar com os laterais-esquerdos Hugo e Diego Palacios, além do volante Raniele, já que os três foram inscritos a tempo do jogo contra o Guarani. Por outro lado, os zagueiros Félix Torres e Gustavo Henrique também esperam a regularização dos documentos para entrarem em campo pelo Timão no Campeonato Paulista:

“Se eu tivesse como pagar hoje esse valor e “bidar” para ele (Garro) poder estrear, eu faria. Ele deve perder a estreia, mas vamos pagar dento dos dez dias desde a assinatura do contrato e vamos ter o jogador para o restante do campeonato. Estamos carregando uma conta da falta de credibilidade”, finalizou Rozallah.

Foto de Matheus Cristianini

Matheus CristianiniRedator

Jornalista formado pela Unesp, com passagens por Antenados no Futebol, Bolavip Brasil, Minha Torcida e Esportelândia. Na Trivela, é redator de futebol nacional e internacional.
Botão Voltar ao topo