Brasil

Remo apresenta camisa 2021 focada em sustentabilidade e com homenagem a povos indígenas

Depois de trocar Kappa pela marca brasileira Volt Sport, Remo busca tornar seus uniformes mais sustentáveis e ressalta o seu vínculo com a Amazônia

O Remo apresentou nesta quarta-feira a sua camisa 2021, fabricada pela Volt Sport. A marca brasileira substitui a Kappa, que fazia os uniformes antes. Segundo informado pelo clube, a camisa tem como foco a sustentabilidade e também uma homenagem à Amazônia, uma ligação que o clube sempre faz questão de ressaltar com a alcunha de “Rei da Amazônia”.

LEIA TAMBÉM: O adeus a Bira, centroavante do Inter campeão invicto em 1979 e artilheiro lendário do Remo

O próprio Clube do Remo, pelo seu departamento de marketing, foi quem desenvolveu o design das camisas 1 e 2. Os uniformes são fabricados com foco em sustentabilidade. Para isso, a Volt Sport usou uma estratégia que é bastante utilizada também pelas maiores fabricantes de material esportivo: reciclagem de plástico de garrafas.

Todo o tecido foi feito com garrafas recuperadas de rios e oceanos, segundo a informação divulgada pelo Remo. Cada camisa precisa de oito garrafas plásticas recicladas para ser produzidas. O tecido é chamado de TrueLife ECO, com fibras de poliéster originada no plástico reciclado.

Na camisa 1, com o tradicional azul do clube, as mangas têm ondas texturizadas que representam todo o universo de vida aquática da região. Nas duas há também a inscrição “Rei da Amazônia”, estampada em 3D e feita de silicone. Na parte de dentro da camisa, há também a inscrição “Te levo no coração”, algo que é cantado pela torcida.

A camisa 2 é feita em homenagem aos povos indígenas da Amazônia. A principal mensagem é a de um alerta para a diminuição da população e os crimes recorrentes contra os índios no Brasil. Na parte frontal da camisa, há um grafismo exposto que representa a Cobra D’Água e a cultura desses povos. Além desses conceitos, o uniforme também traz um detalhe estético: há uma barra costurada por baixo, dando a impressão de que o torcedor está vestindo o uniforme dois por cima do principal. Assim como na camisa 1, há também a inscrição de “Te levo no coração” na parte interna.

LEIA TAMBÉM: Há 40 anos, alvoroço no Re-Pa: as histórias deliciosas de Dadá em seus tempos de Paysandu

A Volt Sport é uma marca recente no mercado esportivo, mas já tem parcerias com o América Mineiro, da Série A, o CSA e o Remo na Série B e o Botafogo-SP na Série C. A marca busca clubes que procuraram a fabricação própria de uniformes ou que não estavam satisfeitos com os contratos feitos com outras fornecedoras.

“Houve no Brasil um crescimento das marcas próprias, que foi uma retaliação a acordos não muito vantajosos que estavam sendo oferecidos pelas empresas do mercado. Nossa parceria com os clubes vai oferecer uma proximidade como se o time tivesse uma marca própria, mas com a vantagem de ter uma parceira que conhece muito bem o mercado em que atua”, disse Kauê Martins, diretor de operações da Volt Sport, ao site Goal.

A Volt Sport tem fábrica própria em Joinville, Santa Catarina, e diz ter um compromisso com a sustentabilidade, algo muito valorizado pelo Remo, até pelo compromisso que o clube assumiu nesse sentido de se tornar mais sustentável em todos os seus processos.

A estreia do novo uniforme do Remo será nesta quarta-feira, às 21h30, em jogo diante do Brusque, pela Série B (confira a Programação de TV).

Confira as fotos do novo uniforme 2021 do Remo:

LEIA TAMBÉM: Há 30 anos, a Bulgária de Stoichkov visitava o Mangueirão sem vencer a seleção paraense

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo