Brasil

O golaço de Wellington Silva coroou a classificação contundente do Flu no Carioca

O Fluminense é o primeiro classificado à decisão do Campeonato Carioca. Os tricolores tiveram grande atuação contra o Vasco neste sábado, no Maracanã, em jogo intenso desde o primeiro minuto. Embora o time de Abel Braga fosse melhor durante a maior parte do tempo, os vascaínos também criaram as suas chances. No entanto, o Flu voltou com sangue nos olhos para a segunda etapa e anotou dois gols, contando ainda com a expulsão de Douglas do outro lado. Por fim, fechou a contagem em 3 a 0, excelente resultado para destacar o momento da equipe, exibindo um futebol vistoso e dinâmico.

O primeiro tempo começou pegado, mas se seguiu bastante corrido. O Fluminense criou as primeiras boas chances de gol, atacando com velocidade. Parou nas defesas do goleiro Martín Silva e nos cortes providenciais de Henrique, assim como teve um pênalti não assinalado pelo árbitro. Tentando buscar o ataque, o Vasco respondeu de maneira mais contundente a partir dos 30 minutos. E, até o intervalo, teve suas oportunidades para abrir o placar. Diego Cavalieri fez defesaça em lance contra Nenê, enquanto Luís Fabiano cabeceou com muito perigo.

Já na volta da segunda etapa, o Flu se concentrou para liquidar a partida. Aos cinco minutos, Richarlison tentou duas vezes para vencer Martín Silva e abrir o placar. Até que, aos 10, saísse o grande lance da noite, em golaço para ampliar a diferença aos tricolores. Lucas deu um chapéu na marcação e cruzou para Wellington Silva completar de letra. Pintura para ser repetida muitas e muitas vezes. Por fim, as expectativas vascaínas caíam por terra com a expulsão de Douglas, em outra decisão discutível do árbitro, após se atrapalhar todo. Com um a menos, o Vasco ainda teve uma chance ou outra. Todavia, a iniciativa era mesmo do Fluminense, que queria a goleada. Fechou a conta em três, a partir de mais uma bola parada de Sornoza, com Léo desviando para as redes.

O momento do Fluminense neste início de ano é positivo, pela maneira como a equipe de Abel Braga se apresenta. Apesar de uma reclamação ou outra de cada lado com o árbitro, a classificação dos tricolores é inapelável. Avançam à decisão com moral, e isso sem contar com Gustavo Scarpa, seu principal jogador. As expectativas para a sequência do trabalho são boas, especialmente com tamanho resultado no clássico. Aguardam Flamengo ou Botafogo, que se encaram neste domingo.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo