Brasil

Indicação histórica da CBF fecha nova composição da instância máxima do STJD

Pela primeira vez, entidade designa duas advogadas para compor o pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva

Nesta quarta-feira (10), a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) indicou duas mulheres para integrarem o Pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), principal instância da corte desportiva do país.

Mariana Barros Barreiras e Antonieta da Silva Pinto foram as advogadas nomeadas pela CBF. O mandato é de quatro anos. 

O Pleno não contava com uma mulher na composição de membros desde Arlete Mesquita — primeira a ocupar uma das cadeiras da instância máxima do futebol nacional — entre 2016 e 2020. 

A indicação histórica conclui a formação dos novos membros do Pleno. Os nomes da CBF eram os que faltavam para completar a composição final de nove indicados.

A posse do novo Pleno está marcada para esta quinta-feira (11). Nesta mesma sessão, o novo presidente do STJD será definido.

Vale destacar que além da CBF, as indicações ao Pleno também são feitas por clubes, Associação de Árbitros de Futebol do Brasil (Abrafut), Federação Nacional dos Atletas Profissionais de Futebol (Fenapaf) e Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

Presidente da CBF celebra novas indicações

Ednaldo Rodrigues elogiou a trajetória de ambas as profissionais e destacou a iniciativa da entidade — de dar protagonismo às mulheres no futebol.

— As duas advogadas são brilhantes profissionais, com sólida formação, além de terem muita competência e uma bela trajetória. A Justiça Desportiva ficará ainda mais forte com a Doutora Mariana e a Doutora Antonieta. A nomeação das duas auditoras também faz parte da iniciativa da CBF de dar cada vez mais protagonismo às mulheres no futebol — disse Ednaldo.

— Queremos mulheres jogando futebol, mas também atuando em todos os setores, na arbitragem, na medicina, atuando como executivas e agora na Justiça Desportiva — concluiu.

Nova composição do STJD

Indicadas pela CBF
– Antonieta da Silva Pinto
– Mariana Barros Barreiras

Indicados por clubes
– Luiz Felipe Bulus
– Marcelo Augusto Bellize

Indicados pela Fenapaf
– Luís Otávio Veríssimo Teixeira
– Maxwell Borges de Moura Vieira

Indicados pela OAB
– Sérgio Henrique Furtado Coelho Filho
– Marco Aurélio de Lima Choy

Indicado pela Abrafut
– Rodrigo Aiache Cordeiro

As novas indicadas para o STJD

Mariana Barros Barreiras

  • Graduada e mestre em Direito Penal e Criminologia pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP);
  • Pós-graduada em Processo Legislativo e Direito Parlamentar;
  • Consultora legislativa da Câmara dos Deputados;
  • Diretora do Centro de Formação, Treinamento e Aperfeiçoamento (CEFOR) da Câmara dos Deputados;
  • Professora e autora de obras jurídicas.

Antonieta da Silva Pinto

  • Graduada em Direito pelo Centro Universitário CESMAC (Maceió-AL);
  • Pós-graduada em Direito Eleitoral pela Escola Superior de Advocacia (Recife-PE);
  • Acumula experiência como Diretora Jurídica da Assembleia Legislativa de Alagoas.
Foto de Guilherme Calvano

Guilherme CalvanoRedator

Jornalista pela UNESA, nascido e criado no Rio de Janeiro. Cobriu o Flamengo no Coluna do Fla e o Chelsea no Blues of Stamford. Na Trivela, é redator e escreve sobre futebol brasileiro e internacional.
Botão Voltar ao topo