Brasil

Qual o impacto da possível contratação de Thiago Almada pelo Botafogo?

Botafogo tem um acerto encaminhado com Almada e negocia a contratação do meia-atacante argentino com o Atlanta United

O Botafogo está perto de fazer mais uma contratação milionária para o seu elenco. Depois de Luiz Henrique, a negociação mais cara da história do clube, o Glorioso encaminhou um acerto pelo meia-atacante Thiago Almada.

John Textor já se acertou com o estafe do próprio jogador e, agora, negocia com o Atlanta United, clube dos Estados Unidos ao qual o jogador pertence.

Nesta terça-feira, o próprio John Textor, em vídeo divulgado pelo jornalista Thiago Franklin, comentou sobre a negociação e disse que enviaria a proposta ao clube americano.

O acordo deve prever uma transferência futura do jogador de 23 anos para outro clube do Eagle Football, grupo multi-clubes de Textor.

— Amamos o jogador, tivemos uma boa conversa com a família dele, mas estamos fazendo isso de maneira correra. Tenho uma boa relação com a liderança do Atlanta United. Não entramos pela porta dos fundos, mas pela porta da frente. (…) Esperamos acertar, mas isso depende do Atlanta — afirmou Textor.

No começo da temporada, antes de contratar o atacante Luiz Henrique, o Botafogo chegou a formalizar uma proposta de 20 milhões de euros (R$ 107,7 milhões, na cotação da época) por Thiago Almada. No entanto, as conversas com o clube da MLS não avançaram.

Caso a contratação do argentino seja fechada pelo mesmo valor em euros, isso representaria, agora, R$ 116 milhões, ultrapassando o valor total da negociação de Luiz Henrique, incluindo valores fixos e bônus por metas.

Qual é o impacto da chegada de Almada ao Botafogo?

Com a possível chegada de Thiago Almada, o Botafogo dá mais uma demonstração do seu atual poderio financeiro e da sua ambição na temporada. Além disso, é claro, também eleva o patamar do seu elenco, que passaria a contar com um jogador campeão do mundo — Almada estava no elenco da Argentina, em 2022, no Catar.

Para avaliar o impacto de uma possível chegada de Almada ao Botafogo, a Trivela conversou com Tiago Brandão, repórter especialista na cobertura da MLS.

– A contratação que o Botafogo está fazendo é de altíssimo nível. Um jogador que já faz horas na MLS, já era para ter ido ao futebol europeu há muito tempo, inclusive foi convocado e foi campeão mundial 2022 com a Argentina. E, desde então, evoluiu, cresceu, melhorou no seu jogo, fez um 2023 muito bom e um 2024 também de altíssimo nível até aqui na MLS – afirmou o jornalista Tiago Brandão, do Território MLS.

Como Thiago Almada pode jogar no Botafogo?

Meia de origem, Thiago Almada também atua pelo lado esquerdo do campo, chegando bem no ataque. Destro, ele costuma centralizar o jogo e tem boa finalização da entrada da área.

No Botafogo, ele deve disputar posição com jogadores como Eduardo e Savarino. No entanto, pela qualidade técnica e investimento, chegaria para ser titular do time.

— Ele é um meia muito técnico, com uma finalização de média e longa distância muito boa. Um jogador que gosta muito de aparecer na entrada da área para finalizar e marca muitos gols assim. Também se tornou um batedor de falta, de escanteio, de bolas paradas no geral, de altíssimo nível. Fez diversos gols pela Atlanta nesse quesito ou deu assistências assim também — disse Brandão.

— Um jogador com um refino técnico muito grande. Gosta muito de cair do lado esquerdo para o meio, também jogando centralizado, não é um jogador que cai muito pela direita, faz essa função mais da esquerda para o meio, até trazendo para a perna direita dele. É um motorzinho, jogador muito técnico — completou o jornalista.

Como foi a passagem pelo Atlanta United?

Revelado pelo Vélez, da Argentina, Thiago Almada está no Atlanta United desde 2022. Na época, contratado por US$ 18 milhões, Almada foi a contratação mais cara da história da MLS.

Pelo clube americano, o meia-atacante marcou 25 gols em 82 jogos, além de ter distribuído 26 assistências. Na atual temporada, foram cinco gol e duas assistências em 16 partidas.

– Teve um 2023 em especial, de altíssimo nível. O 2024 do time dele, do Atlanta United, é um ano de reformulação. Muitos jogadores saíram, técnico demitido. Isso acabou afetando nos números do Almada. O desempenho é muito bom porque ele sobressai na Liga completamente, mas os números não são tão chamativos como em 2023, quando ele foi, inclusive, finalista do prêmio de MVP, ficando entre os três melhores jogadores da Liga – finalizou Tiago Brandão.

 

Foto de Gabriel Rodrigues

Gabriel Rodrigues

Jornalista formado pela UFF e com passagens, como repórter e editor, pelo LANCE!, Esporte News Mundo e Jogada10. Já trabalhou na cobertura de duas finais de Libertadores in loco. Na Trivela, é setorista do Vasco e do Botafogo.
Botão Voltar ao topo