Brasil

Augusto Melo confirma rescisão de Cássio com o Corinthians: ‘Bom para os dois lados’

Goleiro vai acertar com o Cruzeiro, que ofereceu a ele três anos de contrato; Corinthians oficializa saída e anuncia coletiva de despedida

Chegou ao fim a longeva passagem do goleiro Cássio pelo Corinthians. Nesta sexta-feira (17), o presidente Augusto Melo confirmou a informação a jornalistas na saída do CT Joaquim Grava. Questionado como estava o andamento da situação, o mandatário disse que “prevaleceu a parte dele”, se referindo ao desejo do atleta de deixar o clube.

— Nem nós (esperávamos), mas prevaleceu a parte dele. Estamos conversando, foi tudo tranquilo. Ele merece todo nosso carinho. Foi bom para os dois lados. A gente quer o melhor para ele sempre — afirmou Augusto.

Após 12 anos vestindo a camisa alvinegra, o goleiro entrou em rota de colisão com a diretoria na hora negociar a renovação. Segundo apurou a Trivela no início desta semana, Cássio deseja ter mais estabilidade, com uma renovação de longo prazo, fato que o departamento de futebol do Timão não conseguiu oferecer a ele.

Sendo assim, a proposta do Cruzeiro, que ofereceu um acordo de três anos a Cássio, fez crescer também a vontade dele de deixar o Parque São Jorge. Vale ressaltar que o atual vínculo do goleiro de 36 anos com o Corinthians iria até dezembro deste ano.

Corinthians oficializa saída em nota

Confirmando a informação do mandatário, publicada no início da manhã, o Timão emitiu um comunicado oficializando a decisão e, em seguida, anunciou uma coletiva de despedida para o arqueiro, marcada para a manhã do próximo sábado (18). Leia na íntegra a seguir.

“Nesta sexta-feira (17), o Sport Club Corinthians Paulista e o goleiro Cássio chegaram a um acordo amigável para rescisão antecipada do contrato de trabalho que respeitará as obrigações contratuais mutuamente assumidas pelas partes.

Com 712 jogos disputados com o manto alvinegro — sendo o goleiro que mais atuou —, Cássio é um dos maiores ídolos da centenária história do clube. Ao todo, foram nove títulos conquistados: quatro Paulistas (2013, 2017, 2018 e 2019), dois Brasileiros (2015 e 2017), uma CONMEBOL Libertadores (2012), um Mundial de Clubes FIFA (2012) e uma CONMEBOL Recopa (2013).

O Corinthians e todos os corinthianos terão gratidão eterna por tudo o que o nosso Gigante fez enquanto defendeu o clube. O presidente Augusto Melo e a diretoria de futebol desejam sucesso ao goleiro na sequência de sua carreira.”

Cássio vinha mal no Corinthians?

O ano de 2024 de Cássio não vinha sendo bom e, por isso, ele perdeu a posição para Carlos Miguel. O goleiro de 36 anos cometeu algumas falhas graves e seu índice de bolas defendidas caiu. Enquanto isso, seu reserva agradou quando acionado e subiu o nível da defesa alvinegra. Os dados apresentados aqui e a seguir são do Sofascore e WyScout.

Cássio é uma boa opção para o gol do Cruzeiro?

Ainda que esteja no hall de melhores goleiros do futebol brasileiro há pelo menos 12 anos, a contratação de Cássio deixou alguns cruzeirenses com o pé atrás, ainda que muitos outros tenham celebrado a possibilidade. Isso se dá porque o jogador já tem uma idade avançada, apesar de nada de anormal para sua posição, e pelo momento vivido no Corinthians, onde havia se tornado reserva, com análises que apontam declínio técnico e físico do atleta.

Muitos torcedores também se preocuparam com os moldes da proposta celeste ao goleiro, entendendo que é arriscado oferecer um contrato longo e salário alto para um jogador que pode estar em uma decrescente em sua carreira.

Ainda que sejam dúvidas e preocupações justas, as credenciais de Cássio são as melhores possíveis e o movimento se assemelha, em certos aspectos, ao feito pelo Fluminense ao contratar Fábio, que havia deixado o próprio Cruzeiro. E o resultado foram títulos, incluindo o da Copa Libertadores de 2023.

Cássio é um goleiro experiente e vencedor, que conhece muito bem as competições nacionais e internacionais e será um porto seguro para o jovem time do Cruzeiro, que hoje tem apenas três jogadores com 30 anos ou mais em seu time titular, Lucas Romero (30), Lucas Silva (31) e Rafa Silva (32). Além disso, o arqueiro é conhecido por crescer em momentos decisivos e por ser um grande pegador de pênaltis, algo que o time celeste não tem desde que Fábio foi embora.

Outro ponto é o respeito que Cássio passa em relação aos adversários. Não é fácil para nenhum atacante, em especial aos mais jovens, ficar cara a cara com o gigante goleiro, que já enfrentou grandes atacantes do Brasil e do mundo e que já esteve em uma Copa do Mundo, no ano de 2018.

Além disso, Cássio vinha sofrendo com desgaste no Corinthians e novos ares, um projeto diferente, uma nova realidade e outra dinâmica de competitividade interna podem ajudá-lo a retomar os grandes momentos de sua carreira, algo plenamente possível, dado o auge tardio da posição de goleiro. Outra arma que o Cruzeiro terá para ajudá-lo é o retorno do preparador de goleiros Robertinho, que trabalhou no clube entre 2010 e 2019 e estava no Santa Clara, de Portugal. O profissional é tratado como referência e inovador na área e foi um dos responsáveis pela grande década de goleiros da Raposa, que contou com Fábio e Rafael, ambos com ótimo destaque no período.

Robertinho se notabilizou por treinos criativos e inovadores, que elevavam o teto de seus comandados. Inclusive, Fábio trabalhou com ele dos 30 aos 39 anos, tendo seu auge em 2017 e 2018, quando tinha 37 e 38, idades superiores aos 36 anos de Cássio.

Foto de Livia Camillo

Livia Camillo

Formada em jornalismo pelo Centro Universitário FIAM-FAAM, escreve sobre futebol há cinco anos e também fala sobre games e cultura pop por aí. Antes, passou por Terra, UOL, Riot Games Brasil e por agências de assessoria de imprensa e criação de conteúdo online.
Botão Voltar ao topo