Brasil

Atlético Mineiro anuncia chegada de Alan Kardec, que aguarda abertura de janela para estrear

Atacante veio do futebol chinês e poderá entrar em campo depois do dia 18 de julho

O Atlético Mineiro tem um novo centroavante para a temporada 2022. Reforçado por Alan Kardec, que estava no futebol chinês, o Galo terá de aguardar até o dia 18 de julho para que o atleta estreie com a camisa alvinegra. Aos 33 anos, Kardec retorna ao Brasil depois de seis anos na Ásia.

Revelado pelo Vasco e com boas passagens por Benfica, Santos, Palmeiras e São Paulo, o atleta deixou o Brasil em 2016 e passou por duas equipes da China: Chongqing Lifan e Shenzhen. A crise financeira que se abateu sobre o futebol chinês facilitou a saída do atacante, bem como a de vários outros craques que atuam no país. Kardec se desvinculou do Shenzhen em abril e deve retomar a forma física antes de efetivamente participar de jogos pelo Atlético.

A média de Kardec na China era bastante elogiável: ao todo, fez 69 gols em 127 partidas durante sua passagem. O que pode pesar é o desempenho físico, uma vez que o calendário chinês é bastante compacto e requer muito menos partidas do que no Brasil. Para se ter uma ideia, 127 partidas no Brasil são alcançadas com pouco mais de dois anos de competições. A idade de Kardec também não deve ajudar muito nessa readaptação. Mas o nível técnico que ele agrega ao elenco de Turco Mohamed certamente fará alguma diferença nos planos da equipe.

Empolgado, o atacante comentou sobre a transferência ao canal oficial do clube: “É como se fosse uma convocação, desde o início, do momento em que conversei com o Rodrigo Caetano (diretor de futebol), a gente tem uma ligação de muito tempo desde que trabalhei com ele no Vasco. Desde que ele me ligou, a chama ficou acesa e o desejo de defender o Galo ficou real”.

Além de Kardec, o clube mineiro também receberá o reforço do zagueiro Jemerson, cria de sua base, que estava sem clube após rescindir com o Metz em abril deste ano. Com a saída de Diego Godín, que mal atuou neste ano, a defesa precisava de um novo atleta para encarar a temporada, repleta de competições e com grande possibilidade de desgaste físico.

Mostrar mais

Felipe Portes

Felipe Portes é zagueiro ocasional, cruyffista irremediável e desenhista em Instagram.com/draw.portes

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo