Brasil

A renovação do Cianorte começou pelo presidente

Vocês se lembram do Cianorte? Aquele time que em 2005 deu trabalho para o Corinthians na Copa do Brasil acabou de trocar de presidente. O clube estava em dificuldades nos últimos meses e decidiu dar uma arejada. Marco Franzato era o chefe desde a fundação, em fevereiro de 2002, e agora cedeu o cargo ao filho, Lucas Franzato, que tem apenas 23 anos.

O principal objetivo de Lucas é reaproximar o clube do torcedor. O Cianorte lançou um programa de sócio-torcedor chamado “Para frente, Leão” e mudou o escudo para uma versão “moderna e descolada”. Mais simples, com apenas o nome do time, um leão e o ano da fundação.

Pessoas mais experientes vão compensar a juventude de Lucas. O técnico será Bagé, campeão da Série B do Campeonato Gaúcho em 2002 e do Paranaense do Interior com o próprio Cianorte, há dois anos. Adir Kist continua como gerente de futebol. Em campo, a meta é superar a campanha ruim no último Paranaense, no qual o time ficou em nono lugar, a apenas três pontos da zona do rebaixamento.

Em entrevista à rádio CIA FM, Lucas disse que realiza um “sonho pessoal” porque sempre acompanhou o trabalho do pai. Não é difícil de acreditar. Que corneteiro de 23 anos não gostaria de assumir a presidência do seu clube de coração e fazer tudo do seu jeito?

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo