América do Sul

Te cuida, Palmeiras!

Depois de surpreender e eliminar o Colo-Colo na primeira fase da Copa Sul-Americana, o Universitário de Sucre voltou a mostrar seu poder de conquistar o imponderável e despachou também o Cerro Porteño. Após a vitória por 1 a 0 nos 2.800 m de altitude de Sucre, o Universitário conseguiu empatar em 2 a 2 com o Cerro, em Assunção, e se classificou para as oitavas de final do torneio.

Para conseguir a proeza, os bolivianos se utilizaram da mesma estratégia do confronto contra o Colo-Colo. No primeiro jogo, aproveitando-se da altitude, fizeram apenas o suficiente para sair na frente do marcador e depois investiram nos contra-ataques. Contra os chilenos, o plano de jogo rendeu um 2 a 0, enquanto ante os paraguaios um 1 a 0 simples. Simples, mas de vital importância.

Antes da partida da última terça-feira, a missão do Cerro não parecia tão difícil. Afinal de contas, era preciso apenas fazer um gol contra uma equipe claramente limitada, sem tradição no continente e que vive um momento apenas razoável em âmbito doméstico – ocupava a 8ª posição do campeonato boliviano. Não obstante, o Cerro jogava no Defensores del Chaco lotado. Com todos esses fatores a seu lado, os paraguaios partiram para o ataque logo no início do jogo, mas esbarraram na competentíssima defesa boliviana.

Armado em um 4-4-2 ortodoxo, com duas linhas de quatro, o Sucre aos poucos dissipou a pressão paraguaia e passou a apostar em uma rápida linha de passe que colocava seus jogadores próximos ao gol adversário em dois ou três toques. Em um desses lances o Universitario conseguiu um escanteio pela direita. Na cobrança a defesa paraguaia se atrapalhou e Galindo, tal qual havia feito em Sucre, foi às redes.

Da mesma maneira que no Chile, o gol fora de casa colocou o adversário sob pressão e permitiu que o Universitário fizesse com ainda mais facilidade o seu jogo de contragolpes. O Cerro esboçou uma reação, logo no início do segundo tempo, com Julio Santos empatando o jogo. Mas, em novo ataque rápido o Sucre conseguiu outro escanteio. Na cobrança, Cirillo fez de cabeça e deixou os paraguaios com 25 minutos para fazer mais três gols. Só deu tempo de um, e de pênalti.

Interessante observar que em nenhum momento, nem contra Colo-Colo, nem contra Cerro Porteño, o Universitário de Sucre decidiu jogar para se defender e então, quem sabe, marcar um gol. Com dois jogadores sempre no campo ofensivo e os outros oito marcando de perto os adversários, o Sucre conseguiu com que Colo-Colo e Cerro só ameaçassem seu gol em bolas aéreas. Estas acabaram sendo facilmente afastadas pelos bons zagueiros Albarracín e Aguirre, e o que eles não tiraram o goleiro Lampe mandou pra longe, saindo muito bem do gol em diversas oportunidades. A partir da retomada de bola bolivianos partiam em alta velocidade rumo ao ataque, tocando a bola com seus atacantes, que a seguravam até a chegada do restante do time.

Nas oitavas de final o adversário do Sucre será o Palmeiras e desde já a pressão está sobre os brasileiros. Como o primeiro jogo será em casa, os paulistas vão ter que buscar ao menos um bom resultado na sempre difícil altitude boliviana. Se o Verdão não se cuidar, pode ser o terceiro grande a cair pelas nada misericordiosas mãos da zebra boliviana.

Mais Sul-Americana

Com os confrontos realizados nesta semana estão definidas as oitavas de final do torneio. Além do Sucre, se classificaram para a próxima etapa o San José (BOL), que bateu o Atlético Huila (COL) por 4 a 0 após empate em 1 a 1 na Colômbia; o Santa Fe (COL), que ganhou por 2 a 1 em casa e empatou em 0 a 0 fora com o Caracas (VEN); o Tolima (COL), que venceu o Oriente Petrolero (BOL) por 2 a 0 em casa; o Unión San Felipe (CHI), que venceu o Guarani (PAR) nos pênaltis após empate por 1 a 1 em casa; o Emelec (EQU) que atropelou o Universidad San Martin (PER) e fez 5 a 0; e o Defensor Sporting (URU), que perdeu do Sport Huancayo (PER) por 2 a 0 no Peru, mas que havia ganho no Uruguai por 9 a 0.

Confira os jogos das oitavas de final:
(na ordem de mando do primeiro jogo)

San José x Newell's Old Boys
LDU x Unión San Felipe
Universitario de Sucre x Palmeiras
Santa Fe x Atlético Mineiro
Independiente x Defensor Sporting
Tolima x Banfield
Peñarol x Goiás
Avaí x Emelec

Mostrar mais

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo