América do Sul

Quando Aponzá e Vélez tentam imitar Messi e Suárez, o resultado é isto aqui

Torneio Clausura do Campeonato Peruano, 19 minutos do segundo tempo, placar de 0 a 0. Pênalti para o Alianza Atlético contra o Huancayo, que poderia abrir vantagem importante em um jogo travado. Robinson Aponzá prepara-se para a cobrança, mas, na hora de chutar, tenta imitar Messi (ou Cruyff) e rola para o companheiro Juan Vélez, que emula Suárez (ou Olsen). Mas a bola bate na trave, e a partida termina sem gols.

LEIA MAIS: Cruyff, Euller, Pirès e agora Messi: Conheça o craque que inventou o pênalti em dois tempos

O Alianza Atlético está no meio da tabela do campeonato e o pênalti perdido, no contexto geral, não fará tanta diferença, mas dá uma boa lição para seus jogadores: tenham cuidado quando quiserem imitar Messi e Suárez.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo