América do Sul

O Chile venceu o clássico contra o Peru, mas Medel perdeu os dentes em um lance covarde

Não é uma rivalidade tão famosa quanto a de Brasil e Argentina. Mas Chile e Peru fazem um dos clássicos mais quentes da América do Sul. O dérbi tem um histórico maior fora de campo do que dentro dele, com as disputas territoriais entre os dois países. Porém, também possui momentos de ânimos acirrados. Na vitória dos chilenos por 3 a 0 em Valparaíso, nesta sexta, quem pagou caro foi Gary Medel. O meio-campista perdeu um dente após lance violento de Rinaldo Cruzado.

O time de Jorge Sampaoli quase saiu em desvantagem, quando Paolo Guerrero perdeu pênalti contra a meta de Claudio Bravo, aos 22 minutos. Porém, La Roja se recuperou quando Eduardo Vargas recebeu de Alexis Sánchez para abrir o placar. E ampliou logo em seguida, com Charles Aránguiz cruzando para o próprio Medel. Pouco antes do lance duro: Cruzado acertou uma cotovelada na boca do chileno e recebeu o vermelho direto.

Medel sequer pôde ver o terceiro gol, marcado outra vez por Vargas com jogada de Alexis. Substituído, o jogador da Internazionale foi encaminhado direto ao hospital e operado com urgência por causa das lesões que sofreu. Além do dente perdido, também teve uma luxação e um corte profundo na língua. Virou dúvida para o amistoso contra a Bolívia na próxima terça. Outro jogo com a história de pano de fundo para a rivalidade, ainda que, desta vez, os chilenos não queiram ver prejuízos tão grandes.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo