Libertadores

O Monumental ficou em chamas no recebimento aos times para a semifinal da Libertadores

A cada grande jogo do River Plate na Libertadores, a cena se repete. E não seria diferente no clássico contra o Boca Juniors nestas semifinais. O Monumental de Núñez costuma se transformar num enorme caldeirão durante a entrada do time em suas decisões no torneio continental e outra vez a torcida millonaria realizou uma festa marcante antes que a bola começasse a rolar. Assim como havia feito o Cerro Porteño, os argentinos mandaram a Conmebol às favas e ignoraram as proibições aos fogos de artifício. Foi um recebimento legítimo, como se espera em uma noite que se promete histórica. Vale conferir:

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo