Libertadores

Mudanças de Artur Jorge marcam vitória que dá sobrevida ao Botafogo na Libertadores

Com muitas mudanças no time, o Botafogo fez 3 a 1 no Universitario-PER, nesta quarta, no Nilton Santos, e venceu a primeira no Grupo D

O Botafogo, enfim, venceu a primeira na fase de grupos da Copa Libertadores. Com muitas mudanças no time titular e durante a partida, o Glorioso fez 3 a 1 no Universitario-PER, nesta quarta-feira (24), no Nilton Santos, e embolou o Grupo D da competição. Com dois gols de Eduardo e um de Luiz Henrique, que marcou o seu primeiro pelo clube, o Botafogo somou os primeiros três pontos e se mantém vivo na briga por uma vaga nas oitavas de final.

Botafogo entra em campo com mudanças importantes

Jogando a vida na fase de grupos da Copa Libertadores, o Botafogo entrou em campo com muitas mudanças no time titular. Após ser poupado, o atacante Luiz Henrique naturalmente voltou ao time. Mas as outras mexidas do técnico Artur Jorge surpreenderam. O português escalou o goleiro John como titular depois de cerca de dois meses sem atuar, no lugar de Gatito Fernández.

Além disso, Artur Jorge também colocou Damián Suárez na lateral-direita e o volante Gregore no meio, ao lado de Marlon Freitas, deixando Danilo Barbosa e Tchê Tchê no banco.

Tiquinho Soares deixa o jogo no começo

Apesar das muitas mexidas no time titular, foi uma substituição forçada feita logo no começo do jogo que acabou ajudando a definir os rumos da partida. Aos 7′, quando voltava para ajudar na marcação pelo lado esquerdo da defesa, o atacante Tiquinho Soares sentiu, sozinho, dores na perda direita. O camisa 9 precisou ser substituído e Artur Jorge colocou o meia Eduardo em campo.

Ainda que já tenha atuado improvisado como falso 9 — e tenha ido bem quando foi testado na posição em 2023 –, Eduardo não entrou para exercer a função. Artur Jorge preferiu adiantar Júnior Santos, que tem boa estatura, para substituir Tiquinho. A opção, no entanto, não se mostrou uma boa escolha, principalmente no primeiro tempo.

Júnior Santos até chegou a marcar ao aproveitar um bom passe de Savarino, aos 12′, mas o gol foi corretamente anulado por impedimento do camisa 11. O Botafogo perdeu um pouco da mobilidade com Júnior Santos avançado e focou muito o jogo em Luiz Henrique, que não fez boa partida no primeiro tempo. Mesmo precisando da vitória, o Glorioso só voltou a ameaçar no fim do primeiro tempo, com Savarino.

Botafogo resolve o jogo em 15 minutos

Depois de um primeiro tempo morno, o Botafogo voltou do intervalo demonstrando finalmente a urgência que o jogo precisava. E essa mudança de postura não demorou para surtir efeito. Logo com pouco mais de 1′, em ótima troca de passes, Júnior Santos recebeu do lado esquerdo da área e tocou para o meio, onde Eduardo, o substituto de Tiquinho Soares, apareceu para marcar 1 a 0 para o Botafogo.

O Botafogo seguiu em cima do Universitario e, pressionando a saída de bola, conseguiu ampliar. Aos 14′, Gregore roubou uma bola e tocou para Savarino, que deu uma ótima assistência para Luiz Henrique. E o camisa 7, reforço mais caro da história do clube, finalmente desencantou. Com frieza, o atacante saiu na cara do goleiro adversário, deu um drible curto e finalizou para o gol aberto.

Com a vantagem no placar, Artur Jorge voltou a administrar o elenco e mexeu significativamente no time, testando uma nova formação com dois meias, Eduardo e Óscar Romero. Além disso, também mexeu na linha de defesa, com a entrada de Mateo Ponte. E o foi justamente o uruguaio quem deu a assistência para Eduardo ampliar aos 47′. No fim, quando a torcida do Botafogo ainda comemorava o terceiro gol, o Universitario conseguiu descontar com Olivares, mas nada que diminuísse a festa dos botafoguenses, que comemoraram a sobrevida na Libertadores.

Como ficou a situação do Botafogo na Libertadores?

A primeira vitória do Botafogo embolou o Grupo D da Copa Libertadores. O Glorioso segue na lanterna, agora com três pontos, mas tem apenas dois pontos a menos que o líder Junior Barranquilla-COL. Universitario-PER e LDU têm quatro pontos.

Próximos jogos dos Botafogo

  • Flamengo x Botafogo – Campeonato Brasileiro – domingo, 28 de abril de 2024 – 11h (horário de Brasília);
  • Botafogo x Vitória – Copa do Brasil – quinta-feira, 02 de maio de 2024 – 19h (horário de Brasília);
  • Botafogo x Bahia – Campeonato Brasileiro – domingo, 05 de maio de 2024 – 18h30 (horário de Brasília);
  • Botafogo x LDU – Copa Libertadores – quarta-feira 08 de maio de 2024 – 21h30 (horário de Brasília);
Foto de Gabriel Rodrigues

Gabriel Rodrigues

Gabriel Rodrigues é jornalista formado pela UFF e soma passagens como repórter e editor de Lance!, Esporte News Mundo e Jogada10.
Botão Voltar ao topo