América do Sul

Eu juro: esse é Asprilla ensinando seu cavalo a jogar futebol vestido de dinossauro

Juro: aconteceu exatamente que nem você leu no título. Faustino Asprilla, aquele, deve ter ficado muito entediado na sua vida de aposentado. E sabe como diz o ditado: quem joga bola demais ensina futebol a cavalo.

LEIA MAIS: 10 jovens para ficar de olho na Libertadores 2016

Asprilla subiu na sela e foi comandando sua montaria chamada Firulai de um lado para o outro, empurrando uma gigante bola de futebol, o que, por si só, completaria uma maravilhosa anedota sobre futebol sul-americano e um preocupante argumento sobre os desafios que o ex-jogador de futebol enfrenta na aposentadoria.

Mas Asprilla decidiu, além de tudo, fazer isso vestindo uma fantasia de dinossauro. Evidentemente, com a força da gravidade, as pessoas de “por quê?” começaram a cair do céu. E Asprilla respondeu.

Colômbia, a terra do realismo fantástico.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo