AlemanhaBundesliga

[Vídeo] Daí mesmo? Voando na Bundesliga, Raffael anotou um gol do meio da rua

Raffael aparece como um dos melhores jogadores da Bundesliga nesta temporada. O atacante comanda a reação do Borussia Mönchengladbach, que, após o terrível início de campanha, teve forças para chegar ao Top 4 e agora briga por uma vaga na próxima edição da Liga dos Campeões. Entre as cinco grandes ligas da Europa, o camisa 11 só tem menos gols que Neymar entre os brasileiros, balançando as redes 13 vezes. E, com 10 assistências, aparece atrás apenas de Özil, Luis Suárez e Mahrez no fundamento. Fase excelente, que ganhou mais um motivo de destaque neste sábado: Raffael fez um gol da intermediária na vitória por 3 a 0 sobre o Eintracht Frankfurt, que recoloca os Potros provisoriamente na quarta posição.

A saída desastrada do goleiro Hradecky, é claro, deu uma ajuda enorme para o atacante. Mas não dá para desconsiderar a categoria de Raffael no lance, ao chutar com categoria por cima dos quatro adversários que se colocavam a sua frente. O belo gol foi o segundo da tarde, que contou ainda com Lars Stindl abrindo a contagem e Mahmoud Dahoud fechando a conta com um arremate de pura frieza na frente do goleiro.

Desde o início do segundo turno da Bundesliga, Raffael mantém média de um gol produzido por partida. O brasileiro acumula sete gols e duas assistências em nove rodadas, passando em branco apenas na derrota para o Mainz 05. Desempenho fantástico, que o coloca ainda como o quarto jogador que mais participou diretamente de gols neste Campeonato Alemão – atrás apenas de Robert Lewandowski, Pierre-Emerick Aubameyang e Thomas Müller. Fome de bola fundamental ao Gladbach.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo