Alemanha

Grosskreutz, do Dortmund, é acusado de racismo contra Asamoah

Após a vitória do Borussia Dortmund sobre o Greuther Fürth por 1 a 0 pela semifinal da Copa da Alemanha, mais um episódio envolvendo acusações de racismo. O acusado é o meio-campista Kevin Grosskreutz, do Borussia Dortmund, que, segundo o zagueiro do Fürth, Mergim Mavraj, teria ofendido o veterano Gerald Asamoah depois da partida.

“Asamoah tem uma história. Ele não precisa ser xingado por um adolescente por causa da cor de sua pele”, disse Mavraj.

O técnico do Borussia Dortmund, Jürgen Klopp, defendeu seu atleta. “Para mim é mais importante o que alguém pensa, e não o que alguém diz. Sei que Kevin não é racista e não disse isso”, disse. “Talvez a cor azul tenha sido mencionada algumas vezes”, completou, referindo-se à rivalidade entre Borussia Dortmund e Schalke 04, clube do qual Asamoah é ídolo.

Grosskreutz negou as acusações: “Quem me conhece sabe que isso é algo que não faço”. 

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo