Alemanha

Difícil, mas possível

Os alemães sabiam que não seria nada fácil. Os grupos em que os três representantes do país caíram na Liga dos Campeões tem tudo para serem considerados jogo duro para todos, mas um olhar mais próximo traz alguma esperança para Stuttgart, Werder Bremen e Schalke 04.

A primeira reação de cada um dos membros da comissão técnica, diretoria e elenco não foi das piores. Afinal, todos costumam dizer que enfrentar os grandes times é sempre melhor. E receber Real Madrid, Chelsea e Barcelona em solo alemão, de uma só vez, não será nada mal para nenhum deles. O problema é que, em alguns casos, vêm junto Lyon, Valencia e Lazio.

Os que estão em situação mais complicada são Stuttgart e Schalke. No grupo B, os Azuis Reais terão pela frente o Chelsea, o Valencia e o Rosenborg. Sem grandes melindres, os alemães brigam pela segunda vaga com os espanhóis. A grande atração do grupo seria a volta de Michael Ballack para gramados da Alemanha, mas o camisa 13 dos Blues, que se recupera de uma cirurgia no joelho, não foi inscrito na LC. A esperança é de, quem sabe (bem pouco provável), ver Timo Hildebrand com a camisa dos Ches.

O Stuttgart também não está em bons lençóis. Terá pela frente ninguém menos que Barcelona e Lyon, equipes que, à primeira vista, sempre figuram entre os favoritos a conquistar o título. A torcida dos Schwaben é para que os lioneses, acostumados a amarelar na fase eliminatória da LC, tenha uma pane antes, já contra o VfB. Isso, claro, se o Rangers não resolver encrespar a vida de um ou outro.

Por mais enfraquecido que esteja pela perda de Klose e as contusões de Frings e Borowski, o alemão que mais tem chances de avançar é o Werder Bremen. Além de ter sido colocado no pote 2, o time caiu num grupo que inspira mais possibilidades. Terá pela frente o Real Madrid de Bernd Schuster, que já anima os alemães por seu bom começo no comando merengue, além da Lazio e do Olympiacos. Como no grupo do Schalke, o grupo C terá o Real como provável líder, com a segunda vaga a ser decidida entre os alemães e os italianos.

Esta coluna adoraria enganar-se e acreditar que seria possível ver os três alemães nas oitavas-de-final. Ver dois dos três avançar de fase é pensar positivamente. Dentro da realidade, porém, se um passar, já estará de bom tamanho. A briga dos alemães será, pelo jeito, na Copa Uefa, com Bayern de Munique, Hamburg, Bayer Leverkusen, e…

Uma nova dupla em Bremen?

A boa vitória por 3 a 2 sobre o Dínamo Zagreb, que resultou na classificação do Werder Bremen para a Liga dos Campeões, animou a imprensa alemã. Sobretudo pelo bom entendimento de Diego com seu novo colega de ataque, Boubacar Sanogo. Eis que a dupla voltou a funcionar no fim de semana e, de novo, em grande jogada.

Foi o suficiente para que voltasse a se falar na volta da alegria ao time comandado por Thomas Schaaf. A ponto de, por exemplo, fazer com que a passagem de Miroslav Klose – autor do gol do Bayern contra o Hamburg – por Bremen fosse momentaneamente esquecida.

Um gol…
…em quatro rodadas, mas o tento marcado por Mohammed Zidan, que entrara pouco antes no lugar de Olic foi o suficiente para derrubar os 100% de aproveitamento do Bayern de Munique. O Hamburg, com o 1 a 1 na AOL-Arena, ficou a apenas três pontos do líder isolado.

Duas partidas…
…sem vitória. Esse é o retrospecto do super-Wolfsburg de Felix Magath desde a vitória sobre o Duisburg, na segunda partida do campeonato. A equipe está na 14ª colocação, com o mesmo aproveitamento de Stuttgart e Nuremberg, o melhor colocado entre os que seriam rebaixados. A esperança de Magath é que Grafite estréie já na próxima rodada, contra o Karlsruhe.

Três jogos depois…
…o vice-líder Bochum, segundo melhor ataque da Bundesliga, com oito gols (quatro deles do dinamarquês Tommy Bechmann), enfim perdeu uma partida. Foi para o Hannover 96, por 3 a 2, com um gol decisivo de Hashemian, que marcou poucos segundos depois de entrar em campo. Com esse resultado, restam apenas mais dois invictos no campeonato: Bayern e Schalke 04, o rei dos empates.

Quatro derrotas…
…em quatro rodadas. Eis o aproveitamento do lanterna Hansa Rostock, que mais uma vez fez a alegria de seus adversários. Desta vez quem se aproveitou foi o Borussia Dortmund, que aos poucos se recupera das duas rodadas derrotas nas rodadas iniciais.

Seleção da rodada*
Miller (Karlsruhe); Wolf (Nuremberg), Mertesacker (Werder Bremen), Naldo (Werder Bremen); Rolfes (Bayer Leverkusen), Hajnal (Karlsruhe), Diego (Werder Bremen) e Federico (Borussia Dortmund); Kioyo (Energie Cottbus), Ishiaku (Duisburg) e Kuranyi (Schalke 04)

Destaque da rodada*
Manasseh Ishiaku joga no Duisburg, e acabou de chegar na Alemanha, depois de cinco anos na Bélgica. Em quatro rodadas, marcou… quatro gols. Já é um dos artilheiros do campeonato e faz a torcida se esquecer que as Zebras trouxeram Aílton para reforçar o time. Contra o Arminia Bielefeld, fez dois dos três gols da vitória pro 3 a 0.

Fichas completas da quarta rodada
Clique <a href=" http://www.trivela.com/index.asp?Fuseaction=Futebol_Mundial&id_secao=3&id_codigo=14790
” target=_blank>aqui
para conferir.

*de acordo com a revista kicker, parceira desta coluna

ECKBALL

– Este colunista entra em férias a partir desta semana. As próximas três edições serão de autoria de Dassler Marques, que desde o nome já traz um pouco da história do futebol alemão. Até outubro!

– O nanico-rico Hoffenheim torrou € 15 milhões em reforços em uma semana. Os três contratados – Edu, Ba eCarlos Eduardo – estrearam contra o Freiburg, mas o novo clube do ex-gremista voltou a perder e agora ocupa a penúltima colocação da Segundona. Edu marcou os dois gols de seu novo clube. Carlos Eduardo foi titular, saiu de campo aos 11 minutos do segundo tempo.

– A expectativa na última sexta-feira era enorme e apontava para transações milionárias, mas foi o Wolfsburg o responsável pela negociação mais cara do dia: € 8 milhões por Grafite. No total, o VfL investiu € 27,81 milhões para a temporada. Na Alemanha, perde apenas para o Bayern.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo