Bundesliga

Os novos prodígios do RB Leipzig, Augustin e Bruma, já despontam na Bundesliga

O RB Leipzig fez um mercado de transferências um tanto quanto contido. Mesmo conquistando a classificação à Liga dos Campeões, a Red Bull não comprou em atacado e muito menos abandonou o seu ideal de investir em jovens talentos. Além do meio-campista Konrad Laimer, “remanejado” da matriz de Salzburg, e do goleiro Yvon Mvongo, trazido do Young Boys para ser reserva, são dois reforços principais que custaram aos cofres da empresa de energéticos: o ponta Bruma e o atacante Jean-Kévin Augustin. E os dois contribuíram para a primeira vitória do RasenBallsport na Bundesliga, goleando o Freiburg por 4 a 1, em segundo tempo arrasador na Red Bull Arena.

Revelado pelo Paris Saint-Germain, Augustin é considerado há algum tempo uma das principais promessas do futebol francês, mas a falta de espaço no Parc des Princes minou um pouco o seu impacto. Não à toa, em 2016, ele foi eleito o melhor jogador na conquista do Campeonato Europeu Sub-19 com a seleção francesa, e não seu companheiro Kylian Mbappé. Agora em Leipzig, o prodígio de 20 anos certamente ganhará mais minutos – até para justificar os €13 milhões pagos em sua transação. E, reserva na derrota para o Schalke 04 na estreia, o atacante foi fundamental no triunfo sobre o Freiburg.

Florian Niederlechner deixou o Freiburg em vantagem na primeira etapa, assustando a Red Bull Arena. Já a reação veio em um segundo tempo impecável do Leipzig – com 72% de posse de bola e 18 finalizações, contra duas dos visitantes. O empate saiu aos três minutos, em escanteio cobrado por Emil Forsberg que Timo Werner desviou de cabeça. Sete minutos finais, a virada sairia em cruzamento de Augustin para o capitão Willi Orban completar dentro da área. Já a parceria entre Augustin e Werner renderia seu primeiro tento aos 25, o terceiro do RasenBallsport. Enfiada do francês que o artilheiro arrematou por entre as pernas do goleiro Alexander Schwolow.

Por fim, Bruma saiu do banco substituindo Augustin e deixou o seu. Apesar da eliminação precoce de Portugal no Campeonato Europeu Sub-21 deste ano, o ponta foi um dos melhores jogadores da competição. E reiterou uma de suas grandes virtudes já nos primeiros minutos com a camisa do Leipzig. Após boa trama coletiva, o português virou um belíssimo chute de primeira, no ângulo de Schwolow. Considerando os €12,5 milhões pagos ao Galatasaray, sua contratação também soa como uma pechincha. Questão maior vai ser o seu encaixe no time, considerando a propensão para atuar pelos lados em um sistema com três atacantes, quando os Touros Vermelhos priorizam o 4-4-2 com Forsberg e Marcel Sabitzer nas meias. De qualquer forma, o novato oferece variações e opções a Ralph Hasenhüttl em meio à temporada com duas frentes de disputa.

Até pela exigência que terá na Champions, o RB Leipzig enfrentará uma missão árdua para tentar se manter competitivo na Bundesliga, como aconteceu na última temporada. De qualquer maneira, o talento presente no elenco é evidente e muitos dos jovens jogadores à disposição irão amadurecer ainda mais. Neste sentido, Augustin e Bruma agregam bastante aos Touros Vermelhos. A amostra dada neste domingo é animadora.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo