Bundesliga

O Dortmund arranca uma grande vitória sobre o Leipzig, entra no G-4 e, por vias tortas, confirma o título do Bayern

Inspirados por Sancho, os aurinegros precisavam cumprir seu papel em busca da Champions, mas deram sua ajuda aos rivais

O Borussia Dortmund faria um jogo de extremo interesse para seu planejamento no Signal Iduna Park. Fora da zona de classificação à Champions League antes que a bola rolasse, os aurinegros precisavam vencer para entrar no G-4 da Bundesliga. O adversário seria o RB Leipzig, vice-líder da competição. E, por tabela, quem assistia ao jogo esfregando aos mãos era o Bayern de Munique. Os bávaros ainda entrariam em campo neste sábado, contra o Borussia Mönchengladbach, mas poderiam confirmar o eneacampeonato antecipado com uma derrota do clube da Red Bull. Foi o que aconteceu: além de ganhar por 3 a 2 num jogo cheio de emoções, o Dortmund ainda botou a faixa no peito do Bayern indiretamente. O resultado, além do peso às pretensões aurinegras, ainda serviu de prévia à final da Copa da Alemanha, que acontecerá na próxima quinta-feira.

Mesmo sem o lesionado Erling Braut Haaland, o Borussia Dortmund não demorou a estabelecer sua vantagem no placar. O Leipzig até produziu o primeiro lance de perigo, parando em Marwin Hitz, mas o gol dos aurinegros veio em resposta, logo aos sete minutos. Foi uma jogadaça de Marco Reus, lembrando seus melhores momentos. O atacante deu um lindo corta-luz para Thorgan Hazard e apareceu na frente para receber o passe. O veterano invadiu a área pela direita e fuzilou o goleiro Péter Gulácsi. O resultado dava mais segurança aos aurinegros.

O Leipzig tentou pressionar na sequência do primeiro tempo, mas não conseguia muitos frutos, perdendo quase todas as disputas para os anfitriões. Não que o Dortmund criasse tanto ofensivamente, embora indicasse ter mais objetividade e recursos – com Hazard e Jadon Sancho gerando os principais lances. A partida deixava a desejar em qualidade técnica, com poucos lances contundentes, mas a vantagem aurinegra seria preservada até o intervalo. Por um choque nos minutos finais, o goleiro Hitz nem voltou ao segundo tempo, com a entrada de Roman Bürki na meta do BVB.

Foi apenas na etapa final que o Dortmund conseguiu o segundo gol. Aos seis minutos, Raphaël Guerreiro abriu com Sancho. O ponta fintou a marcação e bateu cruzado, tirando do alcance de Gulácsi. Apesar disso, o Leipzig melhorou no segundo tempo e, com mais intensidade, logo voltou ao jogo. O empate aconteceu aos 18. Emil Forsberg cobrou um escanteio e Lukas Klostermann se antecipou no primeiro pau para desviar de cabeça. Os Touros Vermelhos enfim colocavam os aurinegros em apuros, aproveitando especialmente as movimentações pelas pontas.

Julian Nagelsmann renovou as forças de seu time, com as entradas de Nordi Mukiele e Justin Kluivert. O empate começou a se desenhar, primeiro com Kluivert acertando o lado de fora da rede. E num momento claramente superior do Leipzig, o tento saiu aos 32. Amadou Haidara tinha acabado de sair do banco, quando descolou uma excelente enfiada para Hwang Hee-chan. O sul-coreano preparou o jogada e passou para Dani Olmo fuzilar, completamente livre. A virada se tornava até palpável, considerando a superioridade dos Touros Vermelhos ao longo da segunda etapa.

Não foi o gol que diminuiu o ritmo do Leipzig. No entanto, do outro lado, o Dortmund também conseguia um respiro nos contra-ataques. Um aviso aconteceu com Marco Reus, travado por Dayot Upamecano. Mesmo assim, os aurinegros sairiam com uma vitória fundamental aos 42, graças a Jadon Sancho. Em outro contragolpe, o inglês foi fenomenal. Recebeu a bola e esperou a passagem de Guerreiro para entregar de calcanhar. O português entrou na pequena área e rolou para trás, onde o próprio Sancho apareceu para concluir. O alívio do BVB era tremendo. Nos acréscimos, Olmo teve a melhor chance de um novo empate, mas acabou arrematando para fora. Além do peso à tabela, o resultado coloca o Dortmund um passo à frente antes do reencontro com o Leipzig na final da Copa da Alemanha.

O Bayern sustenta uma vantagem de sete pontos sobre o Leipzig na Bundesliga e, desta maneira, entrará em campo apenas pela festa do título contra o Borussia Mönchengladbach. O Leipzig, com 64 pontos, precisa de um empate nas duas últimas rodadas para se confirmar na Champions. E o grande feito é o do Dortmund, que soma sua quinta vitória consecutiva desde a derrota no confronto direto para o Eintracht Frankfurt. Os aurinegros somam 58 pontos e assumem provisoriamente a quarta colocação. Dois pontos atrás, o Frankfurt pega o embalado Mainz 05 neste domingo. Outro candidato à Champions, o Wolfsburg se mantém na terceira posição. Os Lobos receberam o Union Berlim e ganharam por 3 a 0, chegando aos 60 pontos.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo