Bundesliga

O Augsburg também se aproveitou da fase péssima do Gladbach, sem vencer há oito partidas

O Borussia Mönchengladbach atravessa um momento terrível na temporada. O anúncio de que Marco Rose dirigirá o Borussia Dortmund a partir do verão impactou diretamente nos Potros, que desde então não venceram um jogo sequer. O time atravessa um jejum de oito partidas, com sete derrotas e um empate. O sexto revés consecutivo aconteceu nesta sexta, na visita ao Augsburg. E os bávaros também fizeram por merecer o triunfo em 3 a 1, com golaço e tudo, cada vez mais distantes do risco de rebaixamento.

Dava para o Gladbach ter vencido. Os Potros dominaram o primeiro tempo na Baviera e tiveram uma chance de ouro aos 38 minutos, com um pênalti a seu favor. O capitão Lars Stindl foi displicente na cobrança e mandou para fora. Com isso, o Augsburg construiu o resultado no segundo tempo. Aos sete minutos, depois do escanteio fechado cobrado por Daniel Caligiuri, Ruben Vargas (que saíra do banco pouco antes) completou no primeiro pau.

Aos 22, depois de muito pressionar, o Gladbach voltou ao jogo. Florian Neuhaus bateu colocado e empatou aos visitantes. No entanto, o Augsburg era mais eficiente e construiu sua vitória a partir dos 30. Numa bola que sobrou na área, Marco Richter marcou o segundo. Já o melhor ficaria para o terceiro, de André Hahn. Num contra-ataque aos 44, para aliviar os riscos do outro lado, o atacante deu um toquezinho por cima do goleiro Yann Sommer e fechou a contagem.

Se o momento do Gladbach é ruim, o Augsburg vem em recuperação nas últimas semanas. Depois de atravessar uma virada de ano repleta de derrotas, os bávaros ganharam dois de seus últimos três compromissos. Com isso, alcançaram o 13° lugar, com 29 pontos, dez acima da zona de rebaixamento. Já o Gladbach está parado no tempo. O time ocupa o 10° lugar da Bundesliga, com 33 pontos. Já são seis de distância para a zona de classificação à Liga Europa. Para piorar, os Potros também foram eliminados da Copa da Alemanha e têm uma missão dificílima na Champions, com o duelo diante do Manchester City, após os 2 a 0 na ida.


Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo