Bundesliga

Na goleada do Wolfsburg, o bisonho gol contra que abriu o placar retrata bem a draga vivida pelo Schalke

A vitória sobre o Hoffenheim seria um mero respiro ao Schalke 04, capaz de impedir o recorde negativo de mais rodadas sem vencer na Bundesliga, mas sem livrar a torcida de seu longo pesadelo. As esperanças geradas por aquela goleada logo desapareceram e acreditar na permanência dos Azuis Reais é cada vez mais difícil. Já são dez partidas em jejum novamente, com sete derrotas no intervalo. Na visita ao Wolfsburg, deu a lógica na Volkswagen Arena, com a impiedosa goleada dos Lobos por 5 a 0 – a segunda maior derrota do Schalke na atual campanha.

O Schalke ainda resistiu enquanto pôde, num jogo dominado desde o princípio pelo Wolfsburg. Os Lobos tiveram um gol anulado no início, até abrirem a contagem aos 31 minutos. E o lance foi um retrato do péssimo momento dos Azuis Reais: Malick Thiaw desviou a bola na área, Shkodran Mustafi raspou de cabeça e acabou mandando a bola contra as próprias redes. Trapalhada imensa que só dificultava mais a situação.

Durante o segundo tempo, o Wolfsburg nem precisou forçar muito pelos gols. Wout Weghorst anotou o segundo, recebendo o passe entre os zagueiros e mandando uma pancada. O artilheiro daria assistências para Ridle Baku e Josip Brekalo aumentarem a diferença na sequência, em bolas roubadas pelo time no campo ofensivo. O goleiro Frederik Rönnow ainda fazia boas defesas, mas não evitaria o quinto, de Maximilian Philipp.

O Wolfsburg se mantém por mais uma rodada na terceira colocação. Chega aos 48 pontos, oito de vantagem no G-4 neste momento. Já o Schalke permanece com 10 pontos, lanterna cada vez mais isolado. Com a vitória do Mainz 05 sobre o Freiburg, os Azuis Reais ficam a 11 pontos de alcançar a zona dos playoffs contra o rebaixamento. Lá se vão cinco treinadores diferentes e incontáveis frustrações. A esta altura, o clube já inicia sua reformulação para a segundona, tentando lavar o mínimo de honra nas nove rodadas que restam.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo