Bundesliga

Hummels cita erros que “simplesmente sempre acontecem” após derrota do Borussia Dortmund

Os Papagaios Amarelos foram goleados por 4 a 1 pelo RB Leipzig e permitiram que o Bayern abrisse vantagem na liderança

Erros antes de gols sofridos, fases muito “agitadas” da partida e perder o controle depois de ser vazado são coisas que “simplesmente sempre acontecem” com o Borussia Dortmund, afirmou o zagueiro Mats Hummels, segundo a revista Kicker, após a goleada do RB Leipzig por 4 a 1 diante de um Signal Iduna Park lotado pela primeira vez em 763 dias.

O Dortmund precisava aproveitar a casa cheia para vencer um RB Leipzig em ascensão e manter contato com o líder Bayern de Munique, de olho no confronto direto no fim de abril na Allianz Arena, mas aconteceu exatamente o inverso: levou uma goleada que, na opinião de Hummels, teve sintomas já muito conhecidos.

“Claro que é decepcionante para nós. Tínhamos grandes planos para o público”, afirmou o zagueiro de 33 anos. “Sei que uma derrota como esta é sempre motivo de preocupação. Infelizmente, ficamos agitados. Perdemos a bola muito rapidamente. Muitas vezes saímos um pouco da nossa posição, não jogamos tão concentrados. Às vezes ficamos presos em algum lugar”, disse.

Apesar de reconhecer os méritos da vitória dos visitantes, Hummels acredita que o placar foi muito elástico. O Leipzig fez 2 a 0 no primeiro tempo, com dois gols de Konrad Laimer – o segundo com um desvio na defesa que matou o goleiro Gregor Kobel. Christopher Nkunku ampliou depois do intervalo, Donyell Malen descontou e Dani Olmo fechou o placar com um chutaço de fora da área, aos 41 minutos da etapa final.

“Foi uma vitória em termos de eficácia e aproveitamento de chances. Não foi de forma alguma um jogo para 4 a 1 em termos de desempenho. Claro que temos que conviver com o fato de que seremos criticados pelo resultado porque no futebol é assim mesmo. Mas acho que o pessoal do Leipzig também sabe que as coisas poderiam ter sido completamente diferentes no primeiro tempo”, avaliou.

O Dortmund estava invicto há seis rodadas, mas com dois empates e havia perdido pontos para o Colônia no último jogo antes da pausa internacional de março. Está agora a nove pontos do líder Bayern de Munique, a seis rodadas do fim.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo