Bundesliga

Goretzka marca em seu retorno, e Bayern supera o difícil desafio que o Freiburg representa

E com classe: após um primeiro tempo travado, o líder da Bundesliga, a caminho de seu décimo título consecutivo, goleou fora de casa por 4 a 1

Leon Goretzka marcou em seu primeiro jogo pelo Campeonato Alemão desde o começo de dezembro, e o Bayern de Munique venceu um dos duelos mais difíceis da tabela da Bundesliga – o Freiburg fora de casa – por 4 a 1 para se manter tranquilo na primeira colocação da tabela.

Agora, são nove pontos de vantagem para o Borussia Dortmund, a seis rodadas do fim. A diferença pode voltar para seis caso o Dortmund vença o RB Leipzig, em casa, ainda neste sábado. De qualquer maneira, os bávaros superaram o duelo em que havia mais probabilidade de tropeçarem antes do confronto direto na Allianz Arena no fim de abril.

O Freiburg, afinal de contas, está na briga por vaga na Champions League e havia sido derrotado apenas duas vezes em seus domínios nesta temporada da Bundesliga, por Eintracht Frankfurt e Hoffenheim, em sequência, entre o fim de novembro e começo de dezembro. O jogo foi muito mais complicado do que o placar elástico indicaria.

Famoso por ser um dos times mais chatos de se enfrentar na liga alemão, mostrou uma das suas melhores faces ao conseguir limitar bastante o poder ofensivo do Bayern de Munique no primeiro tempo. Praticamente não houve chances claras. Uma cabeçada de Tanguy Nianzou talvez tenha sido a mais perigosa. Apenas sete chutes no total para os visitantes.

Por outro lado, os seus contra-ataques também foram mínimos. Não houve finalização do Freiburg durante metade da etapa inicial. Roland Sallai foi quem chegou mais perto de abrir o placar aos donos da casa, aos 31 minutos, quando dominou dentro da área, abriu à perna esquerda e bateu rasteiro. Em cima de Neuer, sem força, sem problema.

O segundo tempo foi mais movimentado. Logo aos 12 minutos, Kimmich cobrou falta pela esquerda e completou mais uma assistência nesta temporada, sua décima, quando Leon Goretzka, de volta após quatro meses afastado por lesão, aproveitou a saída em falso de Mark Flekken para abrir o placar.

Mas o Freiburg não deixou os bávaros ficarem muito animados. Em cinco minutos, restaurou a igualdade. Nils Petersen saiu do banco de reservas e dominou o lançamento, pela direita. Abriu com Lucas Höller e correu para a área. O cruzamento encontrou Christian Günter na entrada da área e, com um bom passe, Petersen recebeu de frente para Neuer. Marcou com um competente chute colocado no canto.

A estrela de Julian Nagelsmann brilhou porque um minuto depois de ele colocar Serge Gnabry no lugar de Benjamin Pavard o atacante alemão dominou o cruzamento de Lucas Hernández, deu um drible seco em Nico Schlotterbeck e chutou no canto para fazer o segundo gol do Bayern de Munique. Kingsley Coman matou o lançamento do zagueiro Upamecano, abriu para o meio e bateu forte para matar a partida.

Marcel Sabitzer, contratado no começo da temporada do RB Leipzig, marcou seu primeiro gol pelo Bayern de Munique, nos acréscimos. Após perder um gol cara a cara, Gnabry recebeu o passe de Müller na linha de fundo, pela direita, e rolou para trás para o meia-atacante austríaco fechar a conta.

.

.

Standings provided by SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo