Bundesliga

De volta à melhor forma, Werner mostrou o que sabe com dois refinados gols na rodada

Sem muito alarde desta vez, o RB Leipzig faz outra boa temporada na Bundesliga. Ocupa a quarta colocação, com 28 pontos, apenas dois a menos que Borussia Mönchengladbach e Bayern de Munique. Neste domingo, os Touros Vermelhos reafirmaram a posição ao golearem o Mainz 05 por 4 a 1. Passeio que deixou em evidência Timo Werner. Após o fiasco na Copa do Mundo, quando não correspondeu às expectativas, o atacante recupera a melhor forma. É o vice-artilheiro do campeonato, com dez gols. Anotou mais dois diante da torcida na Red Bull Arena.

A estrela da goleada no primeiro tempo foi Yussuf Poulsen. O dinamarquês balançou as redes duas vezes antes dos 20 minutos, uma delas com passe na medida de Werner. O Mainz descontou com Karim Onisiwo, até que o show do artilheiro do Leipzig se iniciasse na etapa complementar. No primeiro tento, Werner deu uma caneta no zagueiro logo ao dominar e driblou o goleiro antes de concluir. Pois fez ainda melhor no segundo. Poulsen lançou o companheiro. O camisa 11 partiu em velocidade, invadiu a área e deu um corte seco no marcador, que ficou perdido. Então, o atacante apresentou toda a sua qualidade nos arremates, ao mandar a bola no ângulo, sem chances de defesa. Talento refinado que vale demais às pretensões dos Touros Vermelhos.

Depois da fraca campanha na Liga Europa, em que caiu na fase de grupos, o Leipzig se volta à Bundesliga. E considerando o equilíbrio de sempre no torneio, a equipe é competitiva o suficiente para retornar à Champions em 2019/20. O clube vive uma transição nesta temporada, com Ralf Rangnick assumindo temporariamente o comando até a chegada de Julian Nagelsmann. E a renovação contratual de seus destaques foi importante para tentar evoluir o conjunto rumo ao próximo ano. Werner, ao menos, se mostra disposto a isso. Os dez gols anotados até o momento se aproximam dos 13 que anotou na última campanha e o colocam na cola de Paco Alcácer na corrida pela artilharia. Boa fase necessária para recuperar seu prestígio após o Mundial – a quem, aos 22 anos, tem muito futuro pela frente.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo