Bundesliga

Com dois de Haaland, o Dortmund virou e goleou o Werder Bremen, ainda com esperanças de entrar no G-4

Centroavante encerrou a seca de quase um mês e os aurinegros aproveitaram uma rodada favorável na Bundesliga

Eliminado da Champions League, o Borussia Dortmund precisa melhorar muito seu rendimento na Bundesliga para entrar no G-4 da competição. Os resultados oscilam e neste domingo até parecia que os aurinegros teriam uma jornada difícil, saindo atrás no placar contra o Werder Bremen. Todavia, o BVB deu uma resposta contundente ainda no primeiro tempo e, mais do que virar, terminou goleando por 4 a 1 no Signal Iduna Park. Erling Braut Haaland voltou a balançar as redes depois de quase um mês na seca, anotando dois tentos para o triunfo essencial de sua equipe, numa rodada em que os principais concorrentes à frente perderam.

O Dortmund entrou em campo com uma formação bastante ofensiva, contando com as entradas de Julian Brandt e Giovanni Reyna para auxiliar na ligação. Porém, quem saiu na frente foi o Bremen. Num lançamento longo, Milot Rashica saiu nas costas da zaga e marcou o primeiro com 14 minutos. O domínio do BVB só resultou no empate aos 29. E foi um golaço de Reyna, que recebeu o passe de Mateu Morey na entrada da área e mandou um canhão, em chute que morreu no fundo das redes.

A partir de então, a porteira se abriu. Marco Reus sofreu um pênalti, que Haaland converteu aos 34. Quatro minutos depois, saiu o terceiro gol. Reyna avançou à linha de fundo, a zaga não cortou o cruzamento e Haaland aproveitou a sobra no segundo pau sem nenhum empecilho. O goleiro Jiri Pavlenka ainda evitaria o quarto, de Jude Bellingham, antes do intervalo.

O Dortmund voltou ao segundo tempo arriscando bastante. Reus tentava, mas o Bremen também poderia ter descontado aos 19, quando Maximilian Eggestein carimbou a trave. A partida não parecia resolvida, com os Verdes crescendo na reta final e ainda acreditando numa reação. As entradas de Josh Sargent e Davie Selke deram um novo gás aos visitantes. O triunfo dos aurinegros só foi garantido mesmo aos 42, depois de algumas boas jogadas ofensivas. Numa cobrança de escanteio, Mats Hummels cabeceou sem tanta força e Pavlenka aceitou, atrapalhado por Emre Can e Theodor Gebre Selassie na pequena área.

O Dortmund aparece na quinta colocação, com 49 pontos. A rodada beneficiou os aurinegros, com as derrotas de Wolfsburg e Eintracht Frankfurt. Assim, o time de Edin Terzic fica a quatro pontos de alcançar o G-4. Uma missão ainda difícil, com cinco rodadas pela frente, mas possível. O Werder Bremen, enquanto isso, não pode se descuidar. Os Verdes acumulam cinco derrotas consecutivas e, com 30 pontos, estão apenas quatro acima da zona de rebaixamento.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo