Bundesliga

Histórico! Bayer Leverkusen goleia Werder e assegura título inédito da Bundesliga

Wirtz faz 3 gols em goleada do Bayer Leverkusen, que conquistou o título da Bundesliga pela primeira vez na história sob comando de Xabi Alonso

Há quase 120 anos, o Bayer Leverkusen foi fundado por trabalhadores da marca farmacêutica e a partir dos anos 1960, passou a figurar entre os principais times da Alemanha, ganhando ainda mais destaque a partir dos anos 1990, com ídolos como Lúcio, Zé Roberto, Rudi Völler e Ulf Kirsten. E após cinco vices durante esse tempo, finalmente o time pode gritar ‘É campeão’ da Bundesliga pela primeira vez em sua história.

Diante de uma lotada BayArena neste domingo (14), o Bayer Leverkusen goleou o Werder Bremen por 5 a 0, e assegurou de vez o título nacional com 5 rodadas de antecedência e ainda de forma invicta. Victor Boniface, Granit Xhaka e Florian Wirtz três vezes fizeram os gols da vitória do título.

Agora não tem mais jeito. Com 79 pontos, o Bayer Leverkusen não pode ser mais alcançado por Bayern de Munique e Stuttgart, e conquistou o terceiro título de sua história. São 25 vitórias e 4 empates em uma campanha histórica feita pelo time comandado por Xabi Alonso. Já o Werder Bremen ainda tem o que fazer na Bundesliga. Na 12ª posição, o time está com 31 pontos, e precisa de mais algumas vitórias para se livrar de qualquer chance de rebaixamento, já que são apenas 5 pontos de vantagem contra o Mainz, 16º colocado.

Mesmo sem astros, Leverkusen domina etapa inicial

Jogando diante de sua torcida, o Bayer Leverkusen deixou o clima de ‘já ganhou’ somente para a sua torcida, mesmo que Wirtz, Frimpong e Grimaldo estivessem no banco, poupados para o jogo do meio da semana contra o West Ham, pela Liga Europa. Em campo, o time manteve seu estilo propositivo, e tentava buscar o gol com posse de bola, triangulações e jogadas pelas linhas de fundo. E aos 24 minutos, veio o tão esperado gol.

Depois de checagem do VAR, a arbitragem anotou pênalti de Gross em Hoffmann. Na cobrança, Boniface bateu forte para abrir o placar e encaminhar o inédito título nacional, aos 24 minutos. O primeiro gol deixou o time da casa ainda mais à vontade na partida. 5 minutos depois, Tah e Boniface ficaram próximos de fazer o segundo, mas mostrando bom reflexo, Zetterer impediu o gol do time das Aspirinas.

Por volta dos 40 minutos, os anfitriões quase anotaram outro gol, e agora pelo lado esquerdo. Adli entrou na área, e acertou um chute forte que explodiu no travessão. Já nos acréscimos, o Werder Bremen teve uma excelente chance em cruzamento de Schmid na direção do gol. Mas esperto, Hradecky estava atento para impedir um empate antes do fim da primeira etapa.

Golaços asseguram vitória e título histórico

Para o início da etapa final, Xabi Alonso colocou Wirtz na vaga de Adli, e a pressão se manteve. Boniface passou a sair mais da área para tabelar com o camisa 10, que acertou um chute perigoso aos 12 minutos. Mas aos 15, veio finalmente o segundo gol. O nigeriano tocou para Xhaka, que de primeira, acertou um chute no ângulo, para a explosão e festa da torcida em Leverkusen.

Após 3 minutos, quase a vantagem aumentou. Schick, que entrou no lugar de Boniface, deixou Hoffmann na cara do gol, mas seu chute foi para fora. Mas aos 23 minutos, foi a vez de Wirtz fazer o seu, que foi outro bonito gol. O camisa 10 recebeu passe, girou e acertou uma bomba que passou por cima do goleiro.

O jogo foi ficando mais controlado para o Bayer Leverkusen, e o Werder Bremen foi buscando ao menos diminuir a vantagem. Mas em um contra-ataque, o time da casa transformou a vitória em goleada. Após roubo de bola, Palacios lançou de primeira para Wirtz. Com espaço, o meia avançou, e bateu na saída de Zetterer para ampliar o marcador aos 34 minutos. O segundo gol dele rendeu inclusive invasão de alguns torcedores, que rapidamente voltaram aos seus lugares.

Ainda deu tempo do camisa 10 fazer o terceiro aos 45 minutos. Wirtz recebeu passe de Grimaldo e bateu cruzado. E aí não teve mais o que fazer. Com o 5 a 0 no minuto 90, a torcida invadiu o gramado da BayArena, e o árbitro não quis saber de atrapalhar a festa e encerrou a partida, para delírio e alegria de uma torcida que esperou mais de 100 anos para conquistar o seu primeiro título da Bundesliga.

Foto de Vanderson Pimentel

Vanderson Pimentel

Jornalista formado em 2013, e apaixonado por futebol desde a infância. Em redações, também passou por Estadão e UOL.
Botão Voltar ao topo