Bundesliga

A incrível virada do Union Berlim em Leipzig faz a briga pelo G-4 da Bundesliga se incendiar

O Union Berlim perdia a revanche contra o RB Leipzig até os 40 minutos do segundo tempo, quando os substitutos fizeram efeito instantâneo

A Bundesliga pode não viver grandes emoções na definição do título, mas segue emocionante na corrida pelas copas europeias. A rodada desse sábado seria importantíssima nesse aspecto. E o principal resultado aconteceu na Red Bull Arena, onde o RB Leipzig se reencontrava com o Union Berlim apenas três dias depois da semifinal da Copa da Alemanha. Os Touros Vermelhos pareciam capazes de emplacar outra vitória e lideraram o placar até os 40 do segundo tempo. Uma virada sensacional, arrancada com ajuda dos substitutos, permitiu que o Union vencesse por 2 a 1 e se mantivesse vivo na corrida pelo G-4.

O favoritismo claro era do RB Leipzig, com uma invencibilidade que se estendia por dois meses e meio. Porém, Domenico Tedesco rodou peças na equipe e o Union Berlim foi superior no primeiro tempo, com direito a bola no travessão. Apesar disso, um chute no canto de Yussuf Poulsen deixou os Touros Vermelhos em vantagem logo no primeiro minuto da segunda etapa. Os Eisernen precisaram lutar, e a entrada de Sven Michel e Kevin Behrens seriam providenciais. Os dois saíram do banco aos 40. Na primeira participação, Sheraldo Becker cruzou para Michel marcar de peixinho. Já aos 44, um contra-ataque de manual terminou com a ajeitada de calcanhar de Michel, para uma batida seca de Behrens para o fundo das redes. A revanche se cumpria.

O Bayer Leverkusen aproveitou a brecha para superar o Leipzig na tabela. Os Aspirinas visitaram o lanterna Greuther Fürth e golearam por 4 a 1, em resultado que rebaixou os bávaros. O Fürth até abriu o placar com Jetro Willems, mas Patrik Schick logo empatou com uma estilosa definição de calcanhar, em seu primeiro gol em dois meses. Sardar Azmoun virou aos 18. No segundo tempo, Paulinho marcou o seu numa infiltração em velocidade e Exequiel Palacios encerrou o passeio.

Outro jogaço aconteceu no Estádio Europa Park, onde Freiburg e Borussia Mönchengladbach empataram num eletrizante 3 a 3. O Gladbach fez dois gols logo cedo, com Breel Embolo e Ramy Bensebaini, partindo para o intervalo em vantagem. O empate do Freiburg aconteceu aos 16 do segundo tempo, após os gols de Vincenzo Grifo e Christian Günter, enquanto Philipp Lienhart virou aos 35. No entanto, os Potros salvaram um pontinho com a igualdade assegurada por Lars Stindl aos 48.

O Colônia somou três pontos importantes com o triunfo por 3 a 1 sobre o vice-lanterna Arminia Bielefeld, no Estádio Rhein-Energie. Mark Uth, Anthony Modeste e Jan Thielmann fizeram os gols dos Bodes, enquanto um gol contra de Timo Hübers descontou aos visitantes. Já no Deutsche Bank Park, Eintracht Frankfurt e Hoffenheim empataram por 2 a 2, num resultado ruim para ambos. Evan Ndicka marcou um gol contra aos 12 e empatou para o Frankfurt aos 32. Daichi Kamada virou, com assistência de Ndicka, até que Georginio Rutter buscasse a igualdade para o Hoffe.

O Bayer Leverkusen é o terceiro colocado com 55 pontos, um a mais que o Leipzig, em quarto. O Freiburg tem 52 pontos, em quinto, e abre a zona da Liga Europa. Já o Union Berlim atualmente iria para a Conference, em sexto, com 50 pontos. O Colônia aparece em sétimo com 49 pontos e o Hoffenheim, já distante em oitavo, tem 46. O Eintracht Frankfurt fica fora da briga com 40. Vale lembrar que uma nova vaga para a Liga Europa deve ser aberta, a depender do resultado da Copa da Alemanha, que envolve RB Leipzig e Freiburg. Se as posições atuais se mantivesse, independentemente do campeão, o Union subiria à Liga Europa e o Colônia iria para a Conference.

Na parte inferior da tabela, o Greuther Fürth é o lanterna com 17 pontos, sem chances de salvação. O Arminia Bielefeld perde forças e soma 26 pontos. Logo acima, o Stuttgart está na zona dos playoffs com 28 e o Hertha é o primeiro fora do Z-3, com 29. O confronto direto entre os dois ocorre neste domingo, no Estádio Olímpico de Berlim.

Standings provided by SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo