África

Seis jogadores da Eritréia pedem asilo em Angola

A Eritréia foi goleada no último domingo por 6 a 1 por Angola fora de casa no último domingo, pelas eliminatórias da Copa Africana de Nações. A partida rendeu outra perda para a equipe: seis jogadores da seleção pediram asilo e não retornaram ao seu país.

“Posso confirmar que há seis jogadores que pediram asilo aqui. Eles estão em custódia das autoridades angolanas”, afirmou um oficial das Nações Unidas, que pediu anonimato ao falar sobre o assunto.

Tanto a Comissão de Refugiados das Nações Unidas como a federação angolana não se manifestaram sobre o caso. A Eritréia é uma país unipartidário, sem liberdade de imprensa. A Anistia Internacional investiga casos de tortura e prisões aleatórias de opositores do regime.

Mostrar mais

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo