África

Berti Vogts rescinde contrato com Nigéria

Após o fracasso na Copa Africana de Nações, Berti Vogts deixou o comando da seleção nigeriana nesta quarta-feira. De acordo com a SID, agência alemã de informações esportivas, o treinador rescindiu seu contrato com a federação.

As críticas ao trabalho do alemão, de 61 anos, aumentaram após a eliminação das Super Águias na CAN. A equipe perdeu por 2 a 1 para Gana, anfitriã do torneio, nas quartas-de-final.

Vogts havia assumido o cargo em janeiro do ano passado e tinha um contrato até 2010. Antes da CAN, ele já havia manifestado seu descontentamento devido a atrasos no pagamento de salários e problemas logísticos. Sua relação com a imprensa também se desgastou ao longo da competição.

Com a saída do alemão, crescem os rumores de que Stepenh Keshi, ex-técnico de Togo, será seu substituto na seleção.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo