África

Som e fúria: Torcedor ataca juiz com vuvuzela na África do Sul

Quem reclama do barulho ensurdecedor da vuvuzela, não sabe os outros poderes que a tradicional corneta africana pode ter. Neste sábado, um torcedor transformou o instrumento musical em arma durante partida do Campeonato Sul-Africano. E, como de praxe, quem acabou pagando o pato foi o árbitro.

O incidente aconteceu em Durban, durante o jogo entre Golden Arrows e Kaizer Chiefs, um dos clubes mais populares do país. Enfurecida com uma decisão da arbitragem, a torcida visitante invadiu o gramado do Estádio Moses Mabhida. E um dos mais enfurecidos atacou o juiz Chris Mfiki com uma vuvuzela.

Apesar da violência, o lance não deixa de ser cômico. O objeto de plástico mal atinge o árbitro e rapidamente o agressor é contido pelos seguranças do local. E o pior de tudo: a raiva sequer tem sentido quando se analisa a tabela da Premier League Sul-Africana. Mesmo com o empate por 0 a 0, o Kaizer Chiefs lidera o torneio com sobras, oito pontos à frente do segundo colocado. Situação favorável para que, nas próximas rodadas, a vuvuzela se torne instrumento apenas de comemoração.

Via 101greatgoals.com

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo