Há exatos 12 anos, o Corinthians conseguia sua "libertação" em um 4 de julho.

"Libertados"

Pela 1ª vez em sua história, o Corinthians chegava a uma final de Libertadores. 

"Titebilidade" incontestável

Romarinho foi o herói do primeiro jogo da final, empatando com um golaço na Bombonera - 1 a 1

Atrevido

Sheik detonou no segundo jogo, com dois gols que levantaram o Pacaembú lotado pelo bando de loucos.

Deu aula:

Cássio entrou como titular nas oitavas-de-final para fazer uma história gigante  no Timão.

Nascia um ídolo:

Muita festa e fim da piada: o Timão teria  um Mundial e uma Libertadores, finalmente.

Virou até filme:   "Libertados" é o título do documentário lançado em 2014 - disponível no YouTube do Corinthians.

 Mesmo com plano frustrado, Corinthians não desiste de Carille e ‘cozinha’ Ramón Díaz