Zimbábue ganhou notoriedade no cenário do futebol continental nos últimos anos, ao bater cartão nas duas edições mais recentes da Copa Africana de Nações. E os Guerreiros conquistaram a classificação mais emocionante desta terça-feira já decisiva nas Eliminatórias à Copa do Mundo de 2022. A primeira fase do qualificatório na África contou com confrontos em ida e volta, nos quais apenas os vencedores avançaram. A passagem dos zimbabuanos foi carimbada aos 47 do segundo tempo, em reação impressionante na vitória por 3 a 1 sobre a Somália.

Mesmo sem poder jogar em casa, por conta de uma guerra civil, a Somália surpreendeu na primeira partida. As Estrelas do Oceano venceram Zimbábue por 1 a 0, no Djibuti. Foi a primeira vitória da história do país nas Eliminatórias da Copa. Assim, os zimbabuanos precisavam reagir no reencontro em Harare e iam aliviando sua barra graças a um gol de Marshall Munetsi aos 32 do segundo tempo, numa bonita puxeta, que ao menos forçava a prorrogação. Porém, os somalis conseguiram se reavivar.

O gol da Somália saiu aos 40 do segundo tempo. Após uma trapalhada da defesa adversária, Omar Mohamed puniu o erro e ia concedendo a classificação inacreditável à seleção que está entre as dez piores colocadas no Ranking da Fifa. No entanto, o que se desenhava como um vexame a Zimbábue terminou como um milagre. Um minuto depois, Admiral Muskwe retomou a vantagem para os Guerreiros, em cobrança de falta que um zagueiro somali desviou e tirou o goleiro do lance. Naquele momento, os anfitriões ainda dependiam de um gol para conquistar a vaga. E a festa se consumou aos 47, numa jogadaça de Khama Billiat, que driblou o zagueiro e acertou o chute no ângulo. Provocou uma enorme festa nas arquibancadas.

Dos 14 confrontos desta primeira fase nas Eliminatórias Africanas, apenas três seleções com ranking inferior aos seus oponentes conquistaram a classificação: Etiópia, Djibuti e Libéria. Os sobreviventes se juntam às demais equipes do continente na segunda fase, inclusive as potências. Nesta etapa, se formarão dez grupos com quatro equipes e os vencedores de cada chave passarão à última fase das Eliminatórias. Por fim, serão cinco confrontos diretos, em que os ganhadores carimbam o passaporte ao Catar.

Abaixo, os confrontos desta primeira fase, com os classificados em negrito:

Etiópia x Lesoto: 0x0 na ida, 1×1 na volta
Zimbábue x Somália: 0x1 na ida, 3×1 na volta
Namíbia x Eritreia: 2×1 na ida, 2×0 na volta
Tanzânia x Burundi: 1×1 na ida, 1×1 na volta, 3×0 nos pênaltis
Djibuti x Eswatini: 2×1 na ida, 0x0 na volta
Malawi x Botswana: 0x0 na ida, 1×0 na volta
Angola x Gâmbia: 1×0 na ida, 2×1 na volta
Libéria x Serra Leoa: 3×1 na ida, 0x1 na volta
Moçambique x Ilhas Maurício: 1×0 na ida, 2×0 na volta
Guiné-Bissau x São Tomé e Príncipe: 1×0 na ida, 2×1 na volta
Guiné Equatorial x Sudão do Sul: 1×1 na ida, 1×0 na volta
Togo x Comoros: 1×1 na ida, 2×0 na volta
Sudão x Chade: 3×1 na ida, 0x0 na volta
Ruanda x Seychelles: 3×0 na ida, 7×0 na volta